Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Como deve ser o manejo na ordenha mecânica com bezerro ao pé

Por CRV Lagoa
postado em 05/09/2016

2 comentários
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

Para estimular a descida do leite algumas vacas necessitam da presença da cria durante a ordenha. Para os produtores que utilizam a ordenhadeira mecânica o processo pode parecer ser mais difícil, mas com dicas simples é possível fazer com que esse estímulo aconteça de maneira natural e não prejudique a cria ou a produção da fêmea.

Acompanhe essa dica na prática assistindo ao vídeo abaixo:



Para saber mais entre em contato pelo box abaixo:

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Comentários

Gildeon Chavier

OUTRA - Tocantins - Produção de leite
postado em 07/09/2016

Trabalho com ordenha é terneiro ao pé. Da muito trabalho é demora muito.
Alguém tem um curso de manejo sem a presença  do terneiro. Pois para abandonar esse sistema tenho que saber como a vaca vai descer o leite é como criar o terneiro sem a mãe.
Se poder ajudar ficaria grato.

CRV Lagoa

Sertãozinho - São Paulo - OUTRA
postado em 21/11/2016

Olá Gildeon. Não temos curso especifico para essa questão. Possuímos o PRALEITE que é um serviço voltado à praticas leiteiras, onde o técnico vai até a propriedade e dá ênfase em criação racional de bezerras, produção e qualidade do leite, além de uma revisão em inseminação artificial. Estamos à disposição no e-mail ensinoavancado@crvlagoa.com.br ou pelo telefone (16) 2105-2273.

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Copyright © 2000 - 2017 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade