ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

SC: Mercado lácteo aquecido no Estado

GIRO DE NOTÍCIAS

EM 04/10/2012

1 MIN DE LEITURA

1
0
A atividade leiteira continua sendo uma excelente fonte de renda para os produtores rurais catarinenses. O Conselho Paritário Produtor/Indústria de Leite do Estado de Santa Catarina (Conseleite) fixou em R$ 0,6649/litro o preço de referência para o leite padrão, mas o mercado está pagando até R$ 0,88 em razão da escassez do produto.

O Conselho definiu em setembro, os três valores de referência para o leite: R$ 0,7646 para aquele acima do padrão; R$ 0,6649 para o padrão e R$ 0,6045 para o leite abaixo do padrão. Em relação ao mês anterior, os preços permaneceram estáveis.

O presidente do Conseleite e vice-presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Santa Catarina (FAESC), Nelton Rogério de Souza, explica que os preços estão aquecidos porque a demanda das indústrias está forte. Ele calcula que os laticínios catarinenses estão operando com 40% de ociosidade.

A maciça importação de leite do Uruguai e da Argentina - que ocorria desde o início do ano - teve uma redução em razão da situação cambial e do aumento dos custos de produção daqueles dois parceiros comerciais do Brasil. "Isso foi bom porque permitiu uma melhora nos nossos preços internos", observa Souza.

A seca que assolou o território catarinense neste ano não reduziu a produção estadual que, ao contrário, registra 9% de crescimento, mesma taxa de expansão verificada em 2011. O crescimento da base produtiva do leite decorre do fato de gerar renda mensal, ao contrário das lavouras e da pecuária intensiva.

No mercado real, os criadores estão recebendo valores maiores que, em razão da qualidade, da quantidade e de outras condições, variam de R$ 0,65 a R$ 0,88 por litro.

A matéria é da assessoria, resumida e adaptada pela Equipe MilkPoint.

1

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MILTON TADEU BARROZO GAMBORGI

GASPAR - SANTA CATARINA - PRODUÇÃO DE LEITE

EM 12/11/2012

Os interesses das Industrias estão acima da logica de mercado, as industrias estão trabalhando com 40% de ociosidade e o custo de produção esta cada vez maior ao produtor, e a " Conseleite" definiu o preço do leite abaixo do preço de mercado; e chamam isso de Conselho Paritário.

Ao menos respeitem o Produtor catarinense, não se esconde o sol com peneira.
MilkPoint AgriPoint