ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

PR: Sudoeste pode ganhar laboratório do leite

GIRO DE NOTÍCIAS

EM 30/04/2009

1 MIN DE LEITURA

2
0
O vice-governador Orlando Pessuti reuniu-se, no início da noite da última terça-feira (28), com representantes da Universidade Federal Tecnológica (UFT-PR), Associação Comercial e Empresarial e Prefeitura de Francisco Beltrão, para tratar da implantação de um laboratório para análise e pesquisa da qualidade do leite na região Sudoeste, atualmente considerada a maior bacia leiteira do Paraná.

Pessuti lembrou que o Paraná possui hoje um dos melhores laboratórios de análise de leite, na Associação Paranaense dos Criadores de Bovinos da Raça Holandesa, em Curitiba. Mas, segundo ele, as ações do governo para o setor não param aí. "Nós ampliamos o Centro de Diagnóstico Marcos Henriette. Temos parceria com a Secretaria da Saúde que faz esse tipo de análise por meio do Laboratório Central (Lacen). Agora o governo federal, numa ação coordenada por Newton Pohl Ribas, ex-secretário da Agricultura do Paraná, está completando toda uma rede nacional de laboratórios, que vai cuidar da qualidade do leite consumido pelos brasileiros", afirmou.

Para o professor Paulo Apelles, diretor da UFT-PR de Francisco Beltrão, "a reivindicação é justa, porque está sendo feita no momento em que alcançamos uma posição importante na economia de nosso Estado. Ao melhorar a qualidade do leite produzido em nossa região estaremos atendendo não só os produtores, mas principalmente os consumidores", afirmou. Segundo Apelles, o custo do laboratório está orçado em R$ 3 milhões. "Como contrapartida, queremos que este laboratório seja implantado dentro da universidade, onde contamos com profissionais especializados, como professores, doutores, técnicos e alunos, para o funcionamento desta unidade", explicou.

As informações são da Agência Estadual de Notícias - PR, adaptadas e resumidas pela Equipe MilkPoint.

2

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

ANDRE LUIS ZANATTA

CORONEL VIVIDA - PARANÁ - CONSULTORIA/EXTENSÃO RURAL

EM 05/05/2009

Que oportunidade mais valiosa de se incrementar ao trabalho das CLAFs (Cooperativa de leite da Agricultura familiar) esta ferramenta para melhorarmos a qualidade do leite na região sudoeste do Paraná. Desta forma, temos como dinamizar e diminuir custos com análises e ampliar o trabalho de melhoramento da cadeia produtiva do leite nas unidades Familiares de Produção.
JOÃO ALTAIR ALBERTTI JR

CAMPO MOURÃO - PARANÁ - ESTUDANTE

EM 02/05/2009

E eu acho que este laboratório é de suma importancia para todo o Paraná, tendo em vista que somos um dos maiores produtores de leite do país, tendo uma necessidade de buscar não só a quantidade mas sim mais qualidade, pois é uma tendencia de mercado; fazendo isso podemos nos manter no mercado mesmo em época difíceis, quando a concorrencia é maior. Mas acho que o laboratório não deveria ser vinculado a uma instituição de ensino pois desta forma o mesmo perde seu intuito inicial, sendo vinculada a estudos e experimentos de uma só instituição que é federal, não estadual. Portanto, acho importante o laboratório mas não a vinculação que é absurda e desnecessária.
MilkPoint AgriPoint