ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

PR: equipamento eletrônico testará qualidade do leite

GIRO DE NOTÍCIAS

EM 05/03/2009

MENOS DE 1 MIN DE LEITURA

1
0
O Governo do Paraná está investindo no aperfeiçoamento de métodos para investigar a qualidade do leite produzido no Estado. O governador Roberto Requião autorizou a importação de um equipamento eletrônico para as análises de qualidade do leite.

O valor do investimento foi de R$ 570 mil e atende à Instrução Normativa IN-51 do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, que corresponde ao programa nacional de melhoria da qualidade do leite. O Paraná é pioneiro na instalação desse tipo de equipamento que irá ocorrer ainda neste mês.

O equipamento tem capacidade para fazer análises de 150 amostras por hora para contagem bacteriana e, inicialmente, irá atender às análises do leite do programa Leite das Crianças.

A IN-51 exige que todos os produtos lácteos das indústrias tenham amostras coletadas e enviadas a laboratórios credenciados pelo Ministério da Agricultura para análises. No Paraná, esse convênio foi feito com a Associação Paranaense de Criadores de Bovinos da Raça Holandesa (APCBR) e a Universidade Federal do Paraná. O equipamento será instalado no laboratório da APCBR, encarregado de fazer as análises do leite.

As informações são da Agência Estadual de Notícias/PR, adaptadas pela Equipe MilkPoint.

1

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

CEZAR PIMENTA GUIMARÃES

PONTA GROSSA - PARANÁ

EM 06/03/2009

Boa noticia, deve agilizar os resultados ao mesmo que diminua os custos, bom para as industrias, ja para os produtores continua na mesma, ou seja, o resultado sempre é tardio.
MilkPoint AgriPoint