ENTRAR COM FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO

Pesquisa aponta que consumo de lácteos previne o ganho de peso em mulheres de meia idade ou idosas

Alguns estudos recentes reportaram descobertas inconsistentes sobre a associação entre o consumo de produtos lácteos e a mudança de peso e obesidade. Poucas pesquisas prospectivas investigaram o papel do consumo de lácteos na mudança de peso e no risco de obesidade/sobrepeso, bem como se essas associações dependem do peso corpóreo inicial.

Diante disso, uma nova pesquisa publicada no American Journal of Clinical Nutrition avaliou como o consumo de lácteos estava associado com a mudança de peso e o risco de sobrepeso/obesidade em mulheres inicialmente com peso normal.

O estudo incluiu 18.438 mulheres com 45 anos ou mais que eram livres de doenças cardiovasculares, câncer e diabetes e tinham o índice de massa corpórea (IMC) de 18,5 a < 25 no início do estudo. O consumo de lácteos foi avaliado com o uso de um questionário sobre frequência de consumo de alimentos com 131 itens.

As mulheres reportaram seus pesos, bem como os fatores de risco relacionados à obesidade no começo e em questionários de questionamentos anuais. Em cada período de acompanhamento, as mulheres foram categorizadas como peso normal (IMC de 18,5 a menos que 25), sobrepeso (IMC de 25 a menos que 30) ou obesas (IMC maior que 30).

Durante o período médio de acompanhamento de 11,2 anos, 8.238 mulheres ficaram com sobrepeso ou obesas. As mudanças no peso ajustadas para múltiplas variáveis durante o período de acompanhamento de 18 anos foram de 1,90 ± 0,09 para o grupo de menor consumo de lácteos (grupo 1); 1,88 ± 0,08 para o grupo 2; 1,86 ± 0,09 para o grupo 3; 1,82 ± 0,09 para o grupo 4; e 1,65 ± 0,09 kg para o grupo 5 (de maior consumo total de lácteos).

O resultado apontou que o maior consumo de produtos lácteos com alto teor de gordura foi associado com menos ganho de peso. Em uma análise ajustada para múltiplas variáveis, o menor risco de uma mulher ter sobrepeso ou obesa foi observado no grupo de maior consumo de lácteos com alto teor de gordura. Suplementação dietética com cálcio ou vitamina D não esteve associado com o risco de obesidade ou sobrepeso.

O maior consumo de lácteos, portanto, pode ser importante na prevenção do ganho de peso em mulheres de meia idade ou idosas, que estão inicialmente com o peso normal.

As informações são do http://ajcn.nutrition.org, traduzidas pela Equipe MilkPoint.

 

0

COMENTÁRIOS SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Seu comentário será exibido, assim que aprovado, para todos os usuários que acessarem este material.

Seu comentário não será publicado e apenas os moderadores do portal poderão visualizá-lo.

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.