ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Nestlé otimiza produção de leite e abre mercados

GIRO DE NOTÍCIAS

EM 21/11/2002

2 MIN DE LEITURA

1
0
A Dairy Partners Américas (DPA), joint venture criada a partir da aliança entre a Nestlé e a Fonterra para atuação no segmento de produtos lácteos nas Américas, começará a operar em primeiro de janeiro de 2003 na Argentina, Venezuela e Brasil, com projeção de faturamento de R$ 1 bilhão no primeiro ano de atividade, somente no Brasil.

A Dairy Partners Américas Brasil (DPAB), braço brasileiro da DPA, assumirá em janeiro a fabricação de alguns produtos lácteos (leite em pó, achocolatados prontos para beber e creme de leite) e a produção, comercialização e distribuição dos produtos refrigerados (iogurtes, sobremesas e leite fermentado).

A aliança entre as duas empresas tem o objetivo de alcançar benefícios especialmente nas áreas de vendas, seja em novos mercados ou nos já existentes; maior eficiência, a partir da melhor utilização das infra-estruturas; melhor aproveitamento de recursos e dos pontos fortes de distribuição e da força de produção; sinergia de compras e de investimentos em pesquisa e desenvolvimento de produtos.

Líder no mercado de leite em pó, a Nestlé tem perseguido ganhos de produtividade ao longo dos últimos quatro anos. Para se ter uma idéia, em 2002 a empresa captará cerca de 1,5 bilhão de litros de leite de aproximadamente sete mil produtores. Em 1999 a captação de 1,3 bilhão foi proveniente de 22,5 mil produtores. Em 2000, 1,4 bilhão de litros foram captados de 14 mil produtores, enquanto em 2001 o mesmo volume (1,4 bilhão) foi obtido de 8,5 mil produtores.

Dentre as principais inovações tecnológicas dos últimos anos, destaca-se a granelização da coleta, que teve a Nestlé à frente deste processo no Brasil, com a utilização de tanques de refrigeração pelos produtores nas fazendas. Esta mudança alterou o patamar tecnológico do produtor, as condições de armazenamento do leite, reduziu os gastos com fretes e trouxe ganhos com o aumento da escala de produção na fazenda.

Receita

As exportações de derivados de leite devem crescer 162% em 2002 sobre o volume embarcado no ano passado. As vendas externas estão projetadas em 21 mil toneladas, que devem gerar receita de aproximadamente US$ 18 milhões. Em 2001, as exportações somaram oito mil toneladas, volume que gerou receita de US$ 8 milhões. Os mercados para os quais a empresa exporta são Suíça, Japão, Chile, Rússia e Estados Unidos, além de países da América do Sul, América Central e Oriente Médio. O aumento das vendas externas se deve aos constantes investimentos na qualidade e na rastreabilidade de matérias-primas e produtos. "A aliança com a Fonterra e a formação da DPA também permitirá maior acesso aos mercados internacionais pelos produtos lácteos brasileiros", diz o diretor de assuntos corporativos, Fábio Alberici de Mello.

Fonte: Gazeta Mercantil (por Luciana Franco), adaptado por Equipe MilkPoint

1

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

PAULO FERNANDO ANDRADE CORREA DA SILVA

VALENÇA - RIO DE JANEIRO - PRODUÇÃO DE LEITE

EM 28/11/2002

Com a criação da DPAB, a Nestlé pretende ter maior sinergia de compras, o que pode significar maior arrocho sobre os preços pagos aos produtores de leite no Brasil.

A resposta do produtor será sempre bastante simples, como, aliás, já vem ocorrendo este ano em função do achatamento dos preços do leite pago ao produtor a partir de Agosto de 2001: a redução da produção. There is no free lunch. Há uma inércia no sistema, mas a resposta é certa.
MilkPoint AgriPoint