ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

MG: plano de negócios norteia segmento lácteo

GIRO DE NOTÍCIAS

EM 18/07/2008

1 MIN DE LEITURA

1
0
O Governo de Minas, por meio da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Sectes), apresentou o Plano de Negócios do Pólo de Excelência do Leite. O documento vai nortear as ações para acelerar a busca da qualidade e estruturar melhor a exportação dos produtos lácteos. Essa apresentação ocorreu durante o XXV Congresso Nacional de Laticínios, de 14 a 17 de julho, em Juiz de Fora.

Lançado exatamente há um ano pelo Governo do Estado, o Pólo de Excelência do Leite está inserido no projeto estruturador Rede de Inovação Tecnológica (RIT) e o seu objetivo é elevar Minas à condição de referência nacional e internacional no segmento.

O Plano de Negócios, de acordo com o gerente executivo do Pólo de Excelência do Leite, Airdem Assis, indica que o primeiro ponto é a capacitação de recursos humanos voltados para a segurança e qualidade do leite e seus derivados, incluindo, principalmente, as questões sanitárias e tecnológicas. O segundo ponto é o desenvolvimento do programa mineiro de estruturação para exportação de lácteos.

O secretário de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Gilman Viana, argumentou que o mundo não vai perdoar os despreparados, razão pela qual acredita nas ações propostas utilizando o conhecimento como instrumento para fortalecer o setor.

O Comitê Gestor do Pólo de Excelência, integrado por três secretarias (Sectes, Seapa e Sede), universidades, centros de pesquisa e outras instituições, ganhou a adesão do Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG) e da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg), durante o XXV Congresso de Laticínios. O presidente do BDMG, Paulo Paiva, disse que cerca de 40% dos recursos da instituição já são destinados ao agronegócio, mas que viu no Pólo de Excelência do Leite um forte instrumento para ampliar a economia mineira, através dos lácteos. "Minas tem plenas condições de aumentar a sua exportação", concluiu.

As informações são da Agência Minas.

1

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MARCOS SALAZAR DE PAULA

LIMA DUARTE - MINAS GERAIS - PRODUÇÃO DE LEITE

EM 20/07/2008

Muito bom, mas espero que saibam que para o produtor se tecnificar e produzir leite com a qualidade e sustentabilidade necessária à exportação, é preciso que tenha lucro na atividade.
MilkPoint AgriPoint