ENTRAR COM FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO

Mapa lança nota à imprensa sobre Operação Lucas

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) lançou uma nota oficial sobre a Operação Lucas, deflagrada pela Polícia Federal na terça-feira (16). Confira abaixo:

A respeito das duas operações deflagradas nesta terça-feira (16) pela Polícia Federal envolvendo servidores, o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) vem a público esclarecer:

- O Mapa apoia integralmente a ação da Polícia Federal e vem colaborando com as investigações;
- Todos os servidores envolvidos na ação foram afastados preventivamente por 60 dias e, os que possuem cargos em comissão, exonerados das funções;
- Será aberto procedimento administrativo (sindicância) para investigar o envolvimento dos citados nas duas operações da Polícia Federal;
- Sobre a operação Lucas, envolvendo a Superintendência do Estado do Tocantins, é importante destacar que a servidora já estava exonerada há mais de 30 dias e que as investigações não atingem o sistema como um todo, se referindo a desvio de conduta de uma servidora;
- Com relação à Operação Fugu, realizada em Santa Catarina, todo o trabalho técnico, durante os nove meses de investigação, foi realizado com a participação de técnicos do Mapa, inclusive com a análise de amostras efetuadas no Lanagro (laboratório do ministério) no Pará;
- Por fim, o Ministério da Agricultura deixa claro que mantém a mesma postura de transparência e de cooperação com as investigações, como ocorreu durante os trabalhos de investigação da Operação Carne Fraca, deflagrada em março deste ano.

Eumar Novacki
Ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento em exercício

Maggi afirma que servidores envolvidos em irregularidades serão afastados de funções

Em viagem ao Oriente Médio, o ministro Blairo Maggi (Agricultura, Pecuária e Abastecimento) se manifestou por rede social sobre as operações da Polícia Federal realizadas ontem, afirmando que servidores envolvidos em irregularidades serão afastados. Segue a íntegra do post feito no Facebook do ministro:

“Estou acompanhando pela imprensa e tomando pé da Operação Lucas, deflagrada nesta terça pela a Polícia Federal, que desarticulou um esquema de corrupção envolvendo servidores do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento . Estou em missão oficial na Arábia Saudita, mas o ministro interino, Eumar Novacki, está no Brasil.

Já estamos tomando as providências. Os envolvidos serão afastados imediatamente das funções e serão alvo de uma auditoria que poderá terminar com a exoneração dos cargos públicos. O Ministério acompanha e dá todo suporte à PF nas operações.

Já sabíamos que outros casos viriam à tona, uma vez que, após a Operação Carne Fraca, aumentamos o rigor nas apurações internas, fornecendo inclusive material de apoio à PF e MP.

Temos total interesse em extirpar do corpo de funcionários do Mapa, os servidores que mancham a imagem do órgão, não honram o compromisso de trabalhar pelo bem público e servir à sociedade. Por outro lado, tem muita gente trabalhando para mudar a situação e a imagem”.

Entenda o caso: 

Polícia Federal abre Operação Lucas contra corrupção na Agricultura

As informações são do Mapa. 

 

0

COMENTÁRIOS SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Seu comentário será exibido, assim que aprovado, para todos os usuários que acessarem este material.

Seu comentário não será publicado e apenas os moderadores do portal poderão visualizá-lo.

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.