ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

IFCN: só 2% do leite pode ser produzido a US$ 0,20/kg

GIRO DE NOTÍCIAS

EM 29/09/2009

3 MIN DE LEITURA

0
0
Este ano, pesquisadores do mercado lácteo de mais de 80 países formularam o 10º IFCN Dairy Report, representando mais de 90% da produção mundial de leite. O estudo inclui detalhes sobre a economia das fazendas - como, por exemplo, os custos de produção -, curva de oferta do IFCN e rentabilidade leiteira em 2008. Na análise do perfil de cada país, o IFCN Dairy Report 2009 mostra uma visão única e comparável sobre as tendências na produção de leite (visões regionais), número de produtores e estrutura das propriedades de 82 países, além de um vasto número de análises especiais. Além disso, o IFCN Dairy Report dá informações detalhadas sobre preços do leite. Em 2009, o IFCN conseguiu aumentar sua rede: o número de empresas colaboradoras chegou a 70 e há 4 novos parceiros institucionais.

Evolução dos preços do leite e da dieta

No período de 1996 a 2009, o preço mundial do leite variou entre US$ 0,1380 e US$ 0,4620/kg. O aumento histórico em 2007 foi seguido de uma rápida queda nos preços do leite, retornando abaixo de US$ 0,20/kg no início de 2009. Atualmente, o preço do leite tem se recuperado, mantendo sinais positivos de crescimento.

O preço da dieta é caracterizado por uma série de intensas oscilações. O primeiro aumento, em 2006, foi dado pelo aumento do preço do milho. De 2007 a março de 2008, o preço foi acima de US$ 28,4/100 quilos. Em 2009, o preço da dieta (ao redor de US$ 24/100kg) ultrapassou pela primeira vez o preço do leite. Desde agosto de 2009, os preços da dieta e do leite estão no mesmo nível.

Custos de produção em 2008

Este ano o IFCN analisou 147 tipos de propriedades típicas de 46 países. Uma visão simplificada mostra que: a) na média, a África teve o menor custo, e a Europa Ocidental o custo mais elevado; b) custos na Europa Oriental, na América do Sul, Ásia e Oceania foram similares, nos níveis de US$ 0,28 a US$ 0,37/kg de leite.

Baseado nos níveis de preço do início de 2009 (US$ 0,20/kg), a análise do IFCN para 2008 indica que, neste nível de preço, somente 2% do leite mundial pode ser produzido.

Crescimento da produção de leite perde força em 2008 e 2009

Em 2008, o crescimento da produção de leite foi de 15,6 milhões de toneladas. Baseado nas informações disponíveis até agora, o IFCN considera que o crescimento da produção de leite em 2009 deve ser abaixo de 11 milhões de toneladas. Devido à situação econômica desfavorável e o significativo atraso da produção, o IFCN espera somente um moderado crescimento da produção em 2010. Mais detalhes serão discutidos na 7ª IFCN Supporter Conference, a ser realizada em Bremen (Alemanha), de 17 a 19 de novembro.

Número de fazendas leiteiras

A atual crise do setor leiteiro afeta cerca de 150 milhões de produtores e suas famílias em todo o mundo. A maioria das fazendas leiteiras está situada na Índia (75 milhões), Paquistão (12,2 milhões) e Etiópia (5,3 milhões). As análises mostram que 10 países com o maior tamanho médio de rebanho leiteiro tiveram uma participação muito baixa no número de fazendas leiteiras do mundo todo, mas possuem 6,6% das vacas do mundo e 21% da produção total de leite. O resultado da dinâmica das fazendas mostrou que as mudanças estruturais continuam em muitos países - 4 a 5% ao ano. No entanto, em alguns países as mudanças estruturais são muito mais rápidas, por exemplo na Dinamarca e África do Sul, ao passo que em outras são mais lentas, como na Nova Zelândia.

Ranking IFCN: maiores laticínios, pela captação de leite

O IFCN fez uma avaliação comparativa de laticínios pela captação de leite durante 2007. Nesta análise, 605 companhias lácteas de 69 países foram analisadas. Estas companhias representam cerca de 91% da produção mundial de leite. Os resultados mostram que os Top 21 laticínios representam somente 21% da produção mundial de leite. Em primeiro lugar no ranking está a Fonterra, que processa 2,7% do leite mundial, situada na Nova Zelândia. Ocupando da segunda à quinta posição estão: Dairy Farmers of America, Nestlé, Dean Foods e FrieslandCampina.

O relatório completo do IFCN será publicado em 20 de outubro/2009.

As informações são do IFCN, adaptadas e traduzidas pela Equipe MilkPoint.

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MilkPoint AgriPoint