ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

GO: produtores rejeitam proposta do Manacá

GIRO DE NOTÍCIAS

EM 06/07/2015

1 MIN DE LEITURA

1
0
Produtores com valores a receber do Laticínio Manacá optaram por esperar que a empresa apresente plano de recuperação judicial para tratar do pagamento da dívida, estimada em R$ 35 milhões. Eles rejeitaram a proposta apresentada pela empresa na última terça-feira (30/07) por falta de garantias reais, já que a Manacá só poderá efetuar pagamentos após a aprovação do plano.

A proposta do laticínio previa R$ 15 milhões para pagamento proporcional aos credores, como forma de adiantamento, e outros R$ 1,5 milhão em bônus para os produtores que não interromperam o fornecimento do produto mesmo com o atraso no pagamento.

Já os produtores propuseram o pagamento de parte do saldo devedor atrasado junto com o valor do produto entregue. A intenção era dividir o débito em cinco meses. Mas isso não será possível. Ao final da reunião, ficou acertado que a empresa divulgará uma lista de credores com os respectivos valores.

No último dia 3, o Laticínio Manacá entrou com um pedido de recuperação judicial junto ao poder judiciário – que, se aceito, dará à empresa um prazo para tentar acordo com os credores sobre um plano de recuperação. O pedido ainda não foi aceito pelo judiciário.

Em seguida a empresa tem que elaborar um plano de recuperação judicial. Por meio do documento, o laticínio informa aos credores como as dívidas serão pagas, em qual prazo e como fará isso. A Manacá tem 60 dias para apresentar o plano à Justiça e, segundo a legislação, os produtores são classificados como credores quirografários, ou seja, são os últimos a receber, depois dos funcionários, instituições financeiras, Estado e outros fornecedores.

As informações são da Faeg e Portal DBO. 

1

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

WANDELL SEIXAS

GOIÂNIA - GOIÁS - MÍDIA ESPECIALIZADA/IMPRENSA

EM 07/07/2015

Atrasar pagamento por tempo indeterminado de produtor de leite é levá-lo ao sacrifício. Justamente ele, que precisa dessa renda para a própria sobrevivência. Ou se não,precisa investir, compra os insumos básicos.Enfim, dispor de receita faz parte do negócio.
MilkPoint AgriPoint