ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

EUA: Desacelera crescimento na produção de leite

GIRO DE NOTÍCIAS

EM 26/12/2002

2 MIN DE LEITURA

0
0
O Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) anunciou que a produção de leite em novembro dos 20 maiores estados produtores do país foi de 5,307 bilhões de quilos, volume cerca de 1,8% maior do que no mesmo mês de 2001. Apesar de não ter havido um decréscimo na produção de leite, parece que está havendo mudanças na direção certa. A produção de leite por vaca foi de 680,8 quilos em novembro - um aumento de 7,257 quilos com relação a novembro de 2001. Mas as boas notícias são que houve um decréscimo da produção de 18,144 quilos com relação ao mês anterior.

Além disso, a revisão feita pelo USDA sobre a produção de leite em outubro nos EUA foi 0,2% menor que o previsto, fazendo com que o aumento nesta produção durante o mês de outubro tenha sido de somente 2,1%.

Novembro marcou o terceiro mês seguido em que o aumento da produção de leite nos EUA conseguiu ser marcadamente menor, desde o pico deste aumento - 4,1% -, ocorrido em agosto deste ano. Esta é uma das tendências que a indústria de lácteos do país precisa ver para conseguir ter esperanças de um aumento nos preços. A outra, é o decréscimo no número de vacas leiteiras.

No entanto, no que se refere ao número de vacas leiteiras, os dados do USDA não mostram aquilo que os analistas da indústria leiteira dos EUA estavam esperando. Apesar do número de abates de vacas leiteiras ter aumentado - os abates em novembro foram cerca de 5% maiores do que no mesmo mês de 2001 - o relatório referente à produção neste mês anunciou que o número de vacas leiteiras em novembro era levemente maior do que no ano passado e no mês passado. O número de vacas leiteiras nos 20 maiores estados produtores dos EUA em novembro era de 7,79 milhões de cabeças. Isto denota cerca de 54 mil cabeças a mais do que em novembro de 2001, mas apenas mil cabeças a mais do que no mês passado.

No geral, o relatório do USDA mostra um certo enfraquecimento na produção de leite dos EUA, o que significa que os produtores estão respondendo às condições de mercado. Entretanto, para os produtores que estão lutando contra os baixos preços do leite há meses, este pequeno aumento no declínio de produção não é suficiente para oferecer qualquer alívio imediato no que se refere a preços.

Fonte: USDA, publicado em Dairy Herd Management, adaptado por Equipe MilkPoint

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MilkPoint AgriPoint