ESQUECI MINHA SENHA CONTINUAR COM O FACEBOOK SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Empresas investem em reciclagem de caixas longa vida

GIRO DE NOTÍCIAS

EM 13/05/2005

2 MIN DE LEITURA

2
0
O Brasil chega hoje a um novo patamar da indústria da reciclagem. Tetra Pak, Klabin, Alcoa e TSL Ambiental inauguram em Piracicaba, interior de São Paulo, a primeira unidade capaz de recuperar integralmente uma embalagem longa vida. Há alguns anos este era um problema ambiental crescente e quase uma ameaça ao avanço desse tipo de embalagem. A tecnologia de plasma implantada na usina em Piracicaba terá capacidade para processar entre 32 mil e 40 mil toneladas de caixas longa vida.

Para a Klabin, além de aumentar em 12 mil toneladas o aproveitamento da celulose, que já ocorre em Piracicaba, a TSL Ambiental, responsável pela operação da usina, recuperará entre oito mil e 10 mil toneladas de plástico e de alumínio. Os dois materiais, após a retirada da celulose, eram parcialmente aproveitados como matéria-prima para a fabricação de produtos de baixo valor.

A tecnologia de plasma permitirá a separação do plástico e do alumínio (PA). A partir disso, serão vendidos à indústria de transformação como insumos. Segundo estimativas do grupo de empresas que participaram do investimento de R$ 12 milhões, a capacidade anual chegará à produção de pelo menos 6,4 mil toneladas de parafina e 1,6 mil toneladas de alumínio. Considerados os preços de mercado, a venda destes insumos poderá gerar uma receita anual próxima a US$ 7,8 milhões.

A Alcoa, como uma das financiadoras do projeto, absorverá toda a produção de alumínio. A parafina será vendida à indústria petroquímica para se tornar insumo em processos industriais. De acordo com o gerente de meio ambiente da Alcoa, Maurício Born, mais que reaproveitar uma matéria-prima, o projeto transforma a reciclagem em negócio, base para o avanço dessa indústria no país.

Segundo Fernando Von Zuben, um dos principais articuladores do empreendimento, os ganhos econômicos que serão derivados da reciclagem total da embalagem ajudarão a financiar a cadeia de catadores. Para a Tetra Pak é o que mais interessa. A reciclagem da embalagem hoje é de apenas 25% do total. A meta em cinco anos é alcançar 65%. Para isso, a elevação da remuneração dos catadores pela tonelada da embalagem cartonada será um grande incentivo. A expectativa é que o valor de R$ 250 a tonelada seja ampliado em 30%.

Segundo o diretor-geral da Klabin, Miguel Sampol, além das vantagens econômicas dadas pela tecnologia do plasma aplicada à indústria da reciclagem, o projeto abre a possibilidade da montagem de unidades em outros pontos do país. Ele confirma o interesse da empresa em participar de outros investimentos em áreas onde a reciclagem da celulose é importante.

Independentemente da possibilidade de replicar a experiência de Piracicaba para outras regiões, a tecnologia do plasma, desenvolvida no Brasil, já ganhou expressão internacional. A TSL Ambiental fechou uma parceria com uma indústria papeleira da Espanha para a construção de uma usina de reciclagem de embalagem longa vida em Valência. "Há negociações para a construção de dois outros projetos na Alemanha", diz Fernando von Zuben, da Tetra Pak.

Fonte: O Estado de S.Paulo (por Agnaldo Brito), adaptado por Equipe MilkPoint

2

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

PAULO RODRIGO FERREIRA DA SILVA

ITAQUAQUECETUBA - SÃO PAULO

EM 22/04/2020

Eu tenho mais de 1 tonelada de caixa de leite vcs compram
MAURICIO DA SILVA

RIO DE JANEIRO - RIO DE JANEIRO

EM 02/10/2015

eu trabalho com todo tipo de artesanato sustentável, e dou aulas para alunos e 3a. idade
MilkPoint AgriPoint