ENTRAR COM FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO

Empresa convidará carnavalesco da Imperatriz para bate-papo sobre o agronegócio brasileiro

A empresa Spark Inteligência Estratégica convidará o carnavalesco Cahê Rodrigues, da escola de samba Imperatriz Leopoldinense, do Rio de Janeiro, para um encontro informal nas próximas semanas. A direção da Spark pretende apresentar a Rodrigues parte de um amplo acervo de dados e estudos recentes envolvendo a atividade rural no Brasil.

Rodrigues está no centro de uma polêmica com o agronegócio nacional, que o próprio carnavalesco alega tratar-se de um mal-entendido. Entretanto, de acordo com as principais entidades do setor, o enredo elaborado para o desfile da Imperatriz deste ano contém estereótipos que prejudicam a imagem da agricultura brasileira, além de reverberar mensagens difundidas por movimentos político-ideológicos contrários à atividade rural.

“Nossa intenção não é polemizar ainda mais com o Cahê, e sim buscar a conciliação entre a agricultura e o samba, ante o noticiário negativo dos últimos dias. A ideia é analisar em conjunto, com base em dados e pesquisas, os aspectos mais importantes do agronegócio brasileiro, inclusive os mitos que têm sido construídos por setores contrários à agricultura. Seria um bate-papo informal, sem fazer juízo de valor, em um clima de confraternização, antes ou depois do Carnaval, de acordo com a agenda do carnavalesco”, resume André Dias, sócio-diretor da Spark.

Segundo André Dias, a contextualização sobre o uso de agrotóxicos é um dos pontos do enredo da Imperatriz que mais incomodaram às lideranças do agronegócio. “A ala chamada de ‘Fazendeiros e seus agrotóxicos’ atinge em cheio à imagem do produtor rural e à da indústria. Este setor investe bilhões de dólares para assegurar a chegada de alimentos à mesa das pessoas", acrescenta o executivo.

“O enredo da Imperatriz poderia dar uma grande contribuição ao campo e à sociedade se tivesse focalizado o uso correto desses produtos indispensáveis à produtividade das lavouras. Tais insumos têm alto valor agregado, são resultantes da ciência, e sua utilização demanda cuidados técnicos e prescrições agronômicas para a proteção da fauna e da flora”, exemplifica Dias.

Entenda o caso: 

Escola de samba Imperatriz Leopoldinense criticará o agronegócio no carnaval 2017

As informações são do Portal Nacional de Seguros. 
 

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.