carregando...
Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Piá quer se tornar referência na produção de iogurtes

postado em 13/02/2017

Comente!!!
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

Na convenção de vendas realizada no final de janeiro em Gramado (RS), a Cooperativa Piá anunciou sua mudança de posicionamento. A alteração consiste em deixar de ser uma marca de leite que também tem iogurte para passar a ser uma marca de iogurte que também produz leite. “Queremos quebrar o paradigma do leite, com novo foco de marketing e eficiência total nas operações”, afirma Gilberto Kny (foto), presidente da cooperativa.

Gilberto Kny

O leite sempre foi o carro-chefe da Piá desde o início da produção, em 1972, quando eram processados 2 mil litros de leite por dia. Hoje, o volume diário ultrapassa os 600 mil litros. A partir da década de 1980, a cooperativa passou a fabricar iogurtes. É nesta onda que a Piá pretende surfar, vendendo produtos de maior valor agregado e aproveitando o aumento de sua capacidade industrial a partir de março, quando a fábrica de iogurtes terá nova capacidade de produção.

O novo posicionamento é um desdobramento do salto dado em 2001, quando a empresa, sem se descuidar da venda de leite longa vida, passou a investir em produtos de maior valor agregado, especialmente nos iogurtes. De lá para cá, a linha de produtos vem aumentando consideravelmente, de tal forma que a Piá possui a liderança absoluta no Sul. É a única região do Brasil onde a liderança não pertencia às grandes multinacionais lácteas, mas a uma forte marca regional.

Para seguir conquistando o mercado, a Piá priorizará a ampliação da participação em Estados como Santa Catarina, Paraná e São Paulo, onde a marca já está nos refrigeradores das principais redes supermercadistas. De acordo com Kny, a localização da cooperativa é estratégica, pois a sede fica em Nova Petrópolis, próxima da região metropolitana de Porto Alegre. “Mais de 40% da população gaúcha está a menos de 90 quilômetros da nossa indústria, o que nos deixa fortalecidos comercialmente”, explica. No ano passado, a Piá obteve um faturamento de R$ 708 milhões.

As informações são da Revista Amanhã.

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint Indústria, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Copyright © 2000 - 2017 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade