carregando...
Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Danoninho reduz açúcar e reformula embalagem

postado em 10/01/2017

Comente!!!
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

Em 2016, o Danoninho reduziu a quantidade de açúcar de sua fórmula em 14,1%, mantendo o sabor que as crianças adoram. A mudança foi motivada por dados alarmantes, provenientes de um estudo conduzido por experts, com o apoio da marca, sobre a alimentação infantil e o consumo de açúcar. Serão 91 caminhões de açúcar que deixarão de chegar no mercado brasileiro em um ano.

Esse importante marco será refletido na nova embalagem de Danoninho, que chega em breve nas gôndolas. O vermelho marcante da embalagem abre espaço para o branco, celebrando a principal característica do produto: a presença do leite. É feito com dois copinhos de leite por potinho, é fonte de cálcio, vitamina E e é rico em vitamina D. 

danoninho - açúcar


danoninho - açúcar

“Estudos recentes mostraram que aproximadamente 80% do valor de consumo diário de açúcar é feito por essas crianças no horário do lanche. Por ser uma marca infantil, é nosso compromisso fazer melhorias contínuas, a fim de entregar produtos mais saudáveis mantendo o sabor que as crianças adoram”, afirma Andrea Gaeta, diretora de marketing de Danoninho.

Leia também: 

Nestlé afirma que reduzirá até 40% do açúcar em produtos a partir de 2018

As informações são do portal Supermercado Moderno. 
 

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint Indústria, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Copyright © 2000 - 2017 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade