FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

DETECÇÃO DE CIO EFICIENTE GERA MELHORES RESULTADOS NA REPRODUÇÃO

POR ZOETIS

ZOETIS - POR UMA PECUÁRIA LEITEIRA MAIS SAUDÁVEL

EM 07/12/2020

3 MIN DE LEITURA

1
2

Por Bruna Silper, Especialista em Pecuária de Precisão Zoetis

Médica-Veterinária, Mestre em Zootecnia e PhD em Animal Science

Produção individual

Historicamente, o padrão mais utilizado para detectar o cio é a aceitação de montas. No entanto, diversas pesquisas e relatos de campo têm indicado que, isoladamente, esse comportamento já não é mais suficiente para a detecção eficiente de cio em rebanhos de alta produção em sistemas de confinamento. No caso da produção de leite, o monitoramento da atividade mostra menos impactos, sendo que para categorias de vacas com produção acima de 31,3 kg/d, não há diferença em intensidade de cio mensurado por sensores.

Com o avanço das tecnologias de monitoramento de atividade e ruminação, percebe-se que outros fatores também influenciam a expressão de cio, como o escore de condição corporal, ordem de parto, tamanho dos grupos, saúde em geral e saúde dos cascos.

Fertilidade

Atualmente, diversas pesquisas confirmam que a fertilidade está associada à maneira como o cio se manifesta. Isto ocorre tanto na IATF quanto no cio natural. Quando verificamos, por meio de medidores de atividade, eventos de cio com maior duração ou maior aumento de atividade em relação ao padrão normal da vaca, vemos que esses pontos estão associados à melhoria de 10% a 14% na taxa de concepção, além de redução das perdas gestacionais (gráfico abaixo). Em parte, isso se explica por diferenças em expressão gênica no endométrio e em tecidos fetais (mais favorável à manutenção da gestação em vacas que apresentaram cio no momento da inseminação artificial).

Perdas de prenhez entre os diagnósticos de 32 e 60 dias, de acordo com a expressão de cio no momento da IATF (Madureira e colaboradores, 20192), conforme protocolo de IATF abaixo:

 

· Manejo reprodutivo

Ferramentas para detecção de cio eficiente também podem auxiliar na definição de manejos específicos, de acordo com a situação de cada animal. Um exemplo é a aplicação de GnRH no momento da IA (inseminação artificial) em vacas não sincronizadas (cio natural). Quando esses cios são de baixa intensidade (pequena mudança comportamental detectada pelos sensores), a aplicação de GnRH aumenta a taxa de concepção. No entanto, nos casos de cio de alta atividade (grande mudança comportamental), a aplicação de GnRH não melhora a taxa de concepção. Esse é mais um exemplo do benefício de sistemas de monitoramento como SMARTBOW para o manejo na fazenda. Conhecendo o perfil da expressão de cio, é possível direcionar tratamentos específicos, com importantes impactos econômicos e de manejo. Raciocínio semelhante pode ser aplicado também aos protocolos de IATF: vacas que apresentam cio nos momentos antecedentes à inseminação têm maior fertilidade e podem receber um sêmen de maior valor; vacas não detectadas em cio podem receber um sêmen de menor valor ou até mesmo serem imediatamente ressincronizadas.

As pesquisas revisadas neste artigo deixam claro que a maneira como o cio se expressa tem impacto positivo na fertilidade. O monitoramento da atividade dos animais por meio de ferramentas como SMARTBOW permite melhores resultados reprodutivos: tanto pelo aumento da taxa de serviço – SMARTBOW tem 97% de precisão na detecção de cio – quanto pela adequação das estratégias reprodutivas, uma vez que conheceremos a intensidade e duração dos cios, o momento de retorno à ciclicidade pós-parto, eventuais retornos ao cio devido a perdas gestacionais e o momento ideal para a IA de acordo com o início do cio.

O monitoramento de precisão que inclui a ruminação e a localização em tempo real também permite foco em saúde e eficiência da rotina diária. SMARTBOW é exatamente o que a fazenda precisa para garantir que o monitoramento da ciclicidade gere melhores resultados na reprodução. Para saber mais, acesse https://www.smartbow.com/pt/home.aspx e converse com o seu consultor Zoetis.

Com SMARTBOW, a lista de vacas em cio é apresentada em smartphones, tablets ou no computador da fazenda. A precisão de 97% para detecção de cio colabora para rotinas reprodutivas eficientes e melhores resultados na reprodução.

1 Cerri, R.L.A, T.A. Burnett, A.M.L. Madureira, B.F. Silper, J. Denis-Robichaud, S. LeBlanc, R.F. Cooke, J.L.M. Vasconcelos. Symposium review: Linking activity-sensor data and physiology to improve dairy cow fertility, Journal of Dairy Science, 2020. http://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0022030220309309

2 Madureira, A. M. L., L. B. Polsky, T. A. Burnett, B. F. Silper, S. Soriano, A. F. Sica, K. G. Pohler, J. L. M. Vasconcelos, and R. L. A. Cerri. Intensity of estrus following an estradiol-progesterone-based ovulation synchronization protocol influences fertility outcomes. J. Dairy Sci. 102:3598–3608; 2019. https://doi.org/10.3168/jds.2018-15129

1

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

PEDRO S. BEILNER

FRANCISCO BELTRÃO - PARANÁ

EM 29/12/2020

Bom dia , fiquei bastante curioso com a nova ferramenta que vcs disponibilizam para a atividade leiteira.
MilkPoint AgriPoint