FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO
Buscar

Prepare-se para a estação das chuvas: como evitar infestação do carrapato-do-boi

POR CAMILA CORRÊA

DECOY - CONTROLE SEGURO, COM O PODER DA NATUREZA

EM 14/10/2020

3 MIN DE LEITURA

0
1

A chegada da primavera traz consigo um maior volume de chuva, que impacta diretamente a agropecuária. Este período é considerado um ótimo momento para iniciar  projeto e cultivos, mas, apesar de ser um tempo de renovação, a época também traz uma grande preocupação: o aumento da infestação de pragas.

O clima quente e úmido favorece o ciclo biológico das pragas. Este é o cenário ideal para o desenvolvimento de carrapatos. A multiplicação e a infestação ocorrem mais rapidamente, sendo um alerta para o pecuarista. Com a chegada das chuvas, estes parasitas aumentam a infestação nos animais e contaminam o ambiente com maior facilidade.

Chuvas e carrapatos: uma combinação perigosa

As condições ambientais encontradas no período das chuvas favorecem diretamente o desenvolvimento dos carrapatos. Com as fêmeas já fecundadas, é o melhor cenário para se desprender dos animais e liberar os ovos no solo. Ao mesmo tempo, as condições ambientais facilitam a eclosão das larvas, provenientes dos ovos depositados nas pastagens.

Cada fêmea do carrapato pode colocar até três mil ovos. Com condições favoráveis e tratamento ineficaz, o parasita pode aumentar gravemente os danos no rebanho. Altas infestações, principalmente em época de chuva, impactam diretamente a sanidade e a produtividade do rebanho. Os animais podem apresentar perda de peso e redução de produção de leite, além de favorecer o desenvolvimento da tristeza parasitária.

Como o pecuarista deve se preparar?

A primeira orientação é se preparar para manejar bem os animais e a pastagem. Assim, os erros no manejo são mitigados, prezando pelo bem-estar do rebanho. A primeira geração de infestação do carrapato surge nos meses de primavera e está condicionada ao aumento da temperatura média e umidade relativa do ar (início do período chuvoso). É importante salientar que o desenvolvimento de cada geração sofre impacto direto da anterior. Por isso, o sucesso do controle depende da redução do parasita já na primeira geração. Tomar as medidas corretas desde o início impede o crescimento da infestação e torna o controle  mais eficiente.

Quando avaliamos a distribuição total dos carrapatos, a maior parte da população se encontra no ambiente. Cerca de 95% da população geral se estabelece nas pastagens e apenas 5% nos animais. Por isso, conhecendo o ciclo de vida do parasita e sabendo que é favorecido pelas chuvas, o pecuarista deve planejar o controle mais efetivo, a fim de reduzir as infestações.

Como prevenir as infestações

É recomendado que o tratamento seja aplicado pelo produtor antes do início do período chuvoso. Assim, se evita que no período de maior infestação o número de carrapatos esteja alto. Entretanto, não se deve concentrar aplicações de carrapaticida nos animais quando estes apresentam maior número de carrapatos. A prevenção deve ser baseada no constante monitoramento e observação dos animais. Não existe uma regra quando se trata de controle de carrapatos. A tomada de ação deve ser baseada no conhecimento do ciclo de vida do parasita. Tratar os animais - assim como as infestações em pasto, de forma planejada, é a melhor forma de reduzir o problema.

É importante que o pecuarista planeje a aquisição dos produtos de controle. O ideal é que ocorra antes da chegada das chuvas. Se necessário, deve procurar o assessoramento de profissionais especializados. Quando o problema ainda está no início, os impactos são menores. Através de um controle assertivo, o rebanho fica livre dos carrapatos e pronto para expressar a melhor produtividade.

Juntando ciência, inovação e o poder da natureza, a Decoy desenvolveu soluções 100% biológicas, econômicas e sustentáveis: Decoy BOVINO e Decoy PASTO.

Acesse o nosso site e conheça nossos defensivos 100% biológicos -que têm eficácia comprovada por centenas de produtores de todo Brasil!

Tem dúvidas sobre como a Decoy pode te ajudar? Entre em contato com a gente pelo Box abaixo! 

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MilkPoint AgriPoint