Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Você está em: Leite & Mercado > Giro Lácteo

Uruguai: exportações totais de lácteos aumentaram 43% em novembro

postado em 07/12/2017

3 comentários
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

As exportações de produtos lácteos do Uruguai em novembro passado totalizaram US$ 76 milhões e registraram um aumento significativo, medido em 43% em relação ao mesmo mês do ano passado, de acordo com o relatório do Uruguai XXI.

No acumulado do ano, os principais compradores foram o Brasil, a Argélia, a Rússia e o México. Dadas as negociações realizadas pelo governo uruguaio em novembro passado, espera-se que este valor aumente em 2018.

Durante este período, as solicitações de exportação para o Brasil totalizaram US$ 224 milhões, 32% a menos do que em janeiro-novembro de 2016 (US$ 329 milhões), de acordo com os dados divulgados pela Conexión Agropecuaria.

A Argélia foi o segundo destino dos produtos lácteos uruguaios com uma participação de 19% nas vendas totais. Os embarques para esse país entre janeiro e novembro chegaram a US$ 101 milhões, 160% acima dos US$ 39 milhões exportados no mesmo período do ano passado.

Leia também: 

Brasil: importações de lácteos crescem no mês, mas continuam abaixo de 2016

As informações são do El Observador, traduzidas pela Equipe MilkPoint.

 

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Comentários

Darlani de Souza Porcaro

Muriaé - Minas Gerais - Produção de leite
postado em 07/12/2017

Vamos quebrar o produtor brasileiro  e trazer mais leite do  Uruguai , é essa a mentalidade, e poderiamos também trazer grandes quantidades de café da Africa para cá, ou da Colômbia , essa é a mentalidade de nosso país, onde um país com potencial de mandar alimento para o mundo todo, esse alimento vira moeda de troca.

Nelson vilmar

São Paulo - São Paulo - Produção de leite
postado em 07/12/2017

Na época da entre safra o leite embalado ao consumidor pode ser o em po reconstituído. Assim sendo por que nas embalagens não consta nos ingredientes  esta pratica, quantidade de leite em pó água gordura e etc. e tal. Será  que estou errado caso contrário gostaria de um pronunciamento a respeito.Grato

Nelson vilmar

São Paulo - São Paulo - Produção de leite
postado em 07/12/2017

Darlan você tem razão o leite brasileiro está ficando no controle geral de uma droga que é a coca-cola que ficou trilhardaria produzindo essa porcaria de bebida , atualmente já está atuando nos ramos de café, bebidas lacteas,  chá, sucos, etc. E tambem no leite, legal não  é  ? Agora ja não  bastasse vem a francesa querendo comprar a Itambé. Será mais duas multinacionais para soterrar o produtor de leite sacrificando os valores  pagos pelos laticínios atualmente já  bastante irrisórios?

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Copyright © 2000 - 2017 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade