FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO

Sustentabilidade:um conceito aplicado ao agronegócio - Parte 2

POR MARIA DO CARMO ARENALES

PRODUÇÃO

EM 24/04/2008

3
0
5. Homeopatia, uma medicina sustentável

O manejo homeopático® trata-se de uma ferramenta na viabilização da sanidade do gado. Controla endo e ectoparasitas, assim como a mastite e outras patologias; grande vilã da produtividade. Sem resíduos e permitida pelas normas vigentes.

Podemos definir a ciência homeopática como sustentável, por ser extremamente conservadora da homeostasia do organismo, ou seja, sustenta, mantém, ampara, alimenta, conserva o equilíbrio dinâmico da saúde existente em todas as formas de vida, seja animal ou vegetal. Desta forma, além de ser uma medicina curativa é também preventiva. Sustentável.

5.1. Homeopatia - sua filosofia

A homeopatia é uma ciência desenvolvida há cerca de 200 anos por Samuel Hahnemann, na Alemanha.

O que a homeopatia preconiza é que existe uma energia em todos nós que é a responsável pelo nosso viver, esta energia tem até nome: "energia vital".

Desde o momento que esta energia, por algum motivo, se desequilibra, aparece a doença. A cura é obtida através de medicamentos oriundos da natureza, que são preparados de forma a oferecer aproveitamento de seu poder energético.

É considerada doença não somente aquilo que se conhece, como, por exemplo, gripes, inflamações e tumores; considera-se doença também tudo aquilo que de alguma maneira consegue se expressar, tanto no plano físico, como também no plano mental (ou espiritual), e no plano emocional (ou psíquico).

O medicamento homeopático é derivado de substâncias existentes na natureza, podendo estas ser de origem animal, vegetal ou mineral. Essas substâncias são diluídas e dinamizadas; ou seja, são processadas, manualmente ou por aparelhos, sendo agitadas, de forma a liberar energia; e é essa energia justamente que confere aos medicamentos seu poder de curar.

Justamente por isso, é que a energia interna consegue ser influenciada pelo medicamento homeopático; ela é suscetível a outras formas de energia, razão pela qual o medicamento homeopático pode exercer sua ação sobre ela, regulando-a.

Podemos destacar basicamente três grupos de sintomas que o profissional homeopata (seja ele médico ou veterinário) irá pesquisar:

Sintomas mentais:

Não quer dizer doença mental, na concepção que estamos acostumados a ouvir, mas um modo pessoal de reagir a determinadas situações; como, por exemplo, ao medo (alguns animais quando se deparam com situações de perigo recuam, enquanto outros partem para o ataque). O que dificulta a identificação desses sintomas pelo médico veterinário é a inexistência de comunicação falada entre o animal e o homem. Alguns sintomas pode até serem percebidos, mas sempre deixam um pouco a desejar em suas causas. Por exemplo, podemos perceber que o animal está triste, mas não sabemos o porquê; podemos perceber quando o animal tem medo, mas às vezes não sabemos de que; etc. Contamos apenas com a nossa observação e a observação do proprietário, que deve ser a mais detalhada possível; mas este deve ter o cuidado de somente relatar ao veterinário exatamente o que viu, sem tentar interpretar o que observou. Assim, o veterinário homeopata realiza uma avaliação dos relatos da observação do proprietário ou tratador inseridos na observação do comportamento do animal, levando em consideração suas características de espécie. A prática nos leva, então, a compreender que os animais também realizam uma espécie de linguagem com sua conduta, seu comportamento, seu caráter e sua personalidade.

Sintomas gerais:

Refere-se ao animal como um todo, englobando várias esferas, tais como suas preferências alimentares, sua piora ou melhora diante de alguma situação, fato, hora do dia ou clima, por exemplo.

Sintomas físicos:

Referem-se àquilo que conhecemos como doenças; ou seja, as doenças que o animal já apresentou durante toda a sua vida. Verificaremos que determinados animais têm maior tendência a desenvolver determinadas doenças. Alguns têm otite por várias vezes, enquanto outros têm pneumonia, e alguns têm insuficiência renal. Interessante relatar que também as doenças são detalhadamente esmiuçadas pelo médico homeopata. Por exemplo, a homeopatia considera a cor, o aspecto, o odor, a característica do conteúdo da diarréia, individualizando, dessa forma, a doença. Isso se deve ao fato de que cada organismo apresenta facilidade de exteriorizar seu mal dessa ou daquela forma.

Os profissionais que se utilizam à homeopatia na medicina veterinária também examinam o paciente, fazem diagnósticos, utiliza-se de exames complementares (radiografias, exames de sangue, ultra-sonografias, etc.) e usam outras terapias, quando necessário, não dispensando as novas descobertas.

Tudo isso torna o ato de saber prescrever medicamentos homeopáticos uma arte. Arte difícil, pois requer muita observação e estudo; mas, ao mesmo tempo, apaixonante.

6. Potencial do Brasil para a prática homeopática

No Brasil hoje existe dentro de nosso rebanho ovino/caprino,aproximadamente 5% dos animais são tratados exclusivamente com medicamentos homeopáticos,1,5% do rebanho bovino, 0,3% do rebanho suíno e finalizando 0,2% do rebanho de aves de postura e corte. Omitindo nesta estatística os animais de companhia,ou seja ,cães e gatos.

Os valores citados acima, são extremamente insignificantes enquanto numerários,porém um grande avanço por se tratar de uma medicina recentemente introduzida no Brasil. Apenas em janeiro de 2001, o primeiro laboratório veterinário homeopático, teve sua permissão para iniciar suas atividades, depois de 12 anos e quatro meses de constante insistência. Apesar de haver tratamentos individuais de cães e gatos, alguns animais de produção e eqüinos, desde a década de 20.

A eficiência da medicina veterinária homeopática, somente será satisfatória se levar em conta o correto manejo, desde a pastagem e assepsia, cuidados zootécnicos, aliado ao volume de alimentação verde e vacinas que valorizem a capacidade de defesa dos animais.

O uso da homeopatia para o tratamento de animais vem-se desenvolvendo com o tempo e tem-nos mostrado como essa prática pode ser benéfica. A sustentabilidade desta ciência é demostrada através de parâmetros:

- preservar o meio ambiente,
- não determinar resíduos em solo, água,ar,animais e vegetais,
- promover um alimento de origem animal e vegetal limpos,ou seja com resíduos controlados,
- ser uma ferramenta na sanidade dos animais e vegetais de produção orgânica,
- o mesmo se aplica para o boi verde,ou seja animais criados a pasto, recebendo exclusivamente alimento de origem vegetal,
- preservar a fauna e flora nativa, não determinando alterações nas cadeias ecológicas de insetos e predadores naturais,
- alta tecnologia de ponta, ao tratar as doenças do rebanho intervindo positivamente no desempenho econômico,
- redução de custo de produção,ao reduzir preço de medicamentos de uso veterinário e agronômicos,
- incrementar a produção de carne, leite e ovos,
- incrementar a fertilidade do rebanho,
- aumentar a imunidade dos recém-nascidos, assim como reduzir óbitos,

Principalmente, hoje, a homeopatia é uma tecnologia de ponta, ao participar do desenvolvimento tecnológico do Brasil ao efetuar pesquisas e apresentar a comunidade científica nacional e internacional resultados em controle de patologias,incremento de produção e principalmente adequar o Brasil a ser o celeiro sustentável que representamos para o mundo.

Apoiada em leis naturais e imutáveis e, portanto, aplicáveis tanto em seres humanos como em animais, a homeopatia, de tão verdadeira e benéfica, vem conquistando adesão de um número cada vez maior de profissionais da saúde no Brasil, sendo sua prática irreversível. Isso pode ser comprovado na medicina veterinária, onde cresce o número de veterinários brasileiros interessados em conhecer a terapêutica homeopática, ora por livre iniciativa e busca de novos conhecimentos científicos, ora por sofrerem pressões de clientes e até de movimentos ecológicos.

A monocultura determinou no planeta uma tendência assustadora e devastadora de infestação por insetos, fungos, bactérias, ácaros, vírus entre outros agentes de doenças. A farmacopéia homeopática apresenta diversos medicamentos que agem nas causas de diversas patologias determinadas por agentes específicos.

Apesar do controle de insetos,ácaros e helmintos com medicamentos dinamizados não constarem como tradição na homeopatia, pesquisas recentes realizadas encontraram medicamentos homeopáticos que controlam a infestação de carrapatos, mosca do chifre, berne, vermes e mosca domésticas em bovinos. O mesmo se aplica a produção vegetal,onde as pragas e doenças vegetais são tratadas desta forma.

7. Tendência mundial de preservação ambiental e a legislação brasileira

A proposta da homeopatia na produção de alimentos de origem animal e vegetal é a tentativa de reverter o seguinte quadro: "Cerca de 3 milhões de toneladas de agrotóxicos anualmente são despejadas no planeta, contaminando o solo e água, os animais e vegetais.
Conseqüentemente toda contaminação e os efeitos residuais se voltam contra o ser humano".

Neste ponto entra a homeopatia determinando ao produtor um aumento em seus lucros, pelo incremento da produção e pela diminuição em suas despesas, sem interferir na sustentabilidade.

No planeta Terra existe hoje um grande apelo de preservação ambiental, aliado a uma consciência crescente da população sobre os malefícios que uma alimentação com resíduos tóxicos ocasiona em sua saúde. A grande realidade, amarga, que temos em nosso passado recente é o famoso mal da vaca louca, quando de forma imprudente , fizemos um animal eminentemente herbívoro como os bovinos se alimentar de restos de frigorífico, desta forma, muito mais que carnívoros, provocamos neles o canibalismo,patologia esta também atingindo outros ruminantes. A revolta da natureza foi fatal:o surgimento de uma estrutura viva,denominada "príon", que causa damos fatais e irreversível nos bovinos,ovinos e caprinos .O mais dramático desta situação criada pelo ser humano, é que se trata de uma zoonose fatal, ou seja, doença que é transmitida ao ser humano e não tem cura.

O Mercado Comum Europeu e o Japão são duas potências econômicas ávidas por consumir carne e leite sem resíduos de agrotóxicos e ou antibióticos. Importante salientar que colonizações ávidas por consumir produtos orgânicos são civilizações milenares, ou seja, povos advindos de muitas guerras, conflitos, e perda de sua identidade por introdução de outras civilizações. Estas sim lutam para preservar sua bagagem genética lutando pelos direitos de fornecer ao povo e principalmente as novas gerações alimentos saudáveis e principalmente livres de resíduos químicos.

O país necessita preparação para o desiderato de exportar sanidade, o que vem sendo pretendido por outros países, conforme informes recentes.

A homeopatia é a medicina capaz de preservar a sustentabilidade do planeta Terra, por ser livre de resíduos e indicada na produção agropecuária orgânica, ou seja, de acordo com as normas do Ministério da Agricultura (Instrução Normativa nº 7, de 17 de maio de 1999).

MARIA DO CARMO ARENALES

3

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

GERALDO ANTONIO DA SILVA ALVES

POMPÉU - MINAS GERAIS - DISTRIBUIÇÃO DE ALIMENTOS (CARNES, LÁCTEOS, CAFÉ)

EM 07/07/2012

bom dia ,sou vendedor que tenho contato direto com o produtor ,fazendeiro em geral ,tanto o fazendeiro pequeno como o grande produtor , o forte na regiao de pompeu e leite ,muitos produtores pede para vender produtos para combater carapatos,mosca do chifre ,figueiras ,aquelas berugas que sai na bezerradas ou no gado adulto ,mastites ,mamites ,tem muito esse proplema de mamite clinica ,sub clinica , ate mesmo ambiental ,preciso de um produto bom para vender em minha regiao.interreso.
GERALDO ANTONIO DA SILVA ALVES

POMPÉU - MINAS GERAIS - DISTRIBUIÇÃO DE ALIMENTOS (CARNES, LÁCTEOS, CAFÉ)

EM 07/07/2012

bom dia ,sou vendedor na minha regiao de minas a 12anos.vendedor de mineral, e probioticose prebioticos para bovinos,sinto anecessidade de vender produtos homeopaticos na regiao. para combater os parasitas ,figueiras ,mastites´;ee houver interrese da parte de algum profissional da area meu telefone  37 99412556ou 37 91303672  geraldo alves
RENATO ZANZINI

JAÚ - SÃO PAULO - REVENDA DE PRODUTOS AGROPECUÁRIOS

EM 23/06/2008

Boa tarde
A alimentação é um dos itens mais importantes para os seres humanos e para os animais, este novo seguimento de cuidados homeopaticos e alimentação bovina se faz necessário maiores informações e indicações de empresas confiáveis fornecedora de medicamento homeopáticos, é de meu interesse informações sobre homeopatia bovina.