ENTRAR COM FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO

O leite saiu na frente

PRODUÇÃO

EM 21/12/2016

30
0
 O IDEAS FOR MILK já é o maior e o mais bem sucedido evento de startups do agronegócio brasileiro. Tivemos 137 propostas de soluções para a cadeia do leite inscritas, apesar do pouco tempo e da restrita divulgação. Destas, selecionamos quarenta para apresentações presenciais em oito cidades de Minas Gerais, São Paulo e Rio Grande do Sul. Em cada uma selecionamos apenas uma ideia. Ao todo, reunimos as oito propostas vencedoras em Brasília, no último dia 13. Transmitimos o evento pela internet e tivemos 539 assistentes! E sabe qual foi o prêmio que oferecemos para o vencedores? Nenhum...

O IDEAS FOR MILK trouxe registros interessantes. Pela primeira vez o setor leiteiro esteve presente na Feira de Inovação FINIT, que dentre outros eventos, sediou o conhecidíssimo Campus Party. Também, foi a primeira vez que doze das melhores universidades estiveram reunidas em torno de um projeto, sem a chancela do MEC e sem recursos financeiros disponíveis. Ao contrário, cada universidade participou com recursos próprios. E o mais importante: foi a primeira vez que se reuniram em torno do setor lácteo, sempre visto como o patinho feio do agronegócio brasileiro. 


Apresentação durante o Ideas For Milk

Outros feitos inusitados ocorreram. Tivemos produtores julgando e sendo julgados. Roberto Jank e Mauríco Silveira Coelho, dois dos mais inovadores produtores brasileiros, participaram como julgadores do IDEAS, enquanto o Egon Kruger, produtor paranaense, disputou a final Campinas com a sua inovação. O ex-presidente da Embrapa Silvio Crestana, físico pesquisador em novos instrumentos, foi um dos ilustres julgadores, juntamente com o secretário de Estado da Agricultura do Espírito Santo, Octaciano Neto, que esteve na Etapa Piracicaba, para conhecer o evento, depois de ouvir falar do IDEAS.

Tivemos pessoal de TI pedindo para conhecer a Embrapa, por que nunca tinham ido a uma fazenda, em toda a sua vida. Tivemos produtor interessado em investir em startup! O principal investidor anjo do Brasil perguntou em voz alta, para todo mundo ouvir: Meu Deus, por quê nunca tinha pensado em investir no agro? Na PUC - Minas, o IDEAS uniu 5 cursos que nunca haviam trabalhado em conjunto, de TI, Engenharia e do agronegócio. E, acreditem, resolveram conhecer a fazenda da Escola, que desconheciam existir! Temos startup já selecionadas e absorvidas por aceleradoras e tivemos associações entre startups concorrentes, que descobriram sinergia entre seus negócios. Ah, e ocorreram dois casos em que empresas multinacionais nos perguntaram: como podemos apoiar o IDEAS?

Ficou evidente o quanto a Universidade Brasileira quer assumir o desafio de trabalhar com o setor produtivo. Mas, não há o ambiente propício no Brasil para que acadêmicos e empresários estejam juntos. Não há ponte entre estes dois mundos, no Brasil! Querem fugir da ditadura do paper, mas não sabem como. O IDEAS foi uma janelinha que se abriu. Foi emocionante ouvir o prof. da UFLA declarar publicamente que o IDEAS foi a experiência mais gratificante que ele teve em 16 anos na carreira. E foi muito promissor descobrir que o movimento Empresas Juniores trará para o Brasil do futuro uma energia inovadora, quando estes meninos chegarem a postos de decisão, daqui a dez anos.

A marca do IDEAS FOR MILK é a DISRUPTURA. Tivemos de aprender a fazer tudo de maneira diferente do que sempre fizemos. O IDEAS FOR MILK é resultado de uma aliança estratégica formada pelas empresas Embrapa e Qrânio (Juiz de Fora), Litteris Consulting (Rio de Janeiro), Carrusca Inovation (Belo Horizonte) e AgriPoint (Piracicaba/SP). Esse “case” de sucesso, reconhecido publicamente como o fato mais importante surgido nos últimos anos na cadeia leite, conforme manifestações públicas (escritas e gravadas) de líderes do setor, me ensinou quatro regras que precisam ser consideradas, para atuarmos neste novo mundo que começamos a viver, o mundo da quarta Revolução Industrial.


A vaquinha do Ideas For Milk

A primeira regra: REÚNA COMPETÊNCIAS COMPLEMENTARES DE MODO COLABORATIVO. No modelo antigo, as competências são contratadas no mercado. O sonho de empreender é somente o sonho do contratante. Isso torna o empreendimento caro e arriscado. No mundo novo, o sonho e o risco são responsabilidades compartilhadas. Então, para sonhar grande já não basta ter capital financeiro disponível e contratar parceiros. É preciso ter sócios! Já não basta a velha conversa do ganha-ganha. É preciso saber ganhar juntos! Ganhos compartilhados se multiplicam sozinhos, resultante da natural sinergia! Cada uma das empresas da nossa Aliantaça Estratégica trouxe para o projeto competências não encontradas nas demais.

A segunda regra: REUNIÕES PRESENCIAIS COMO ROTINA SÃO COISAS DO PASSADO. Nós, os cinco dirigentes destas empresas que se associaram, não nos conhecíamos e nunca nos reunimos presencialmente, os cinco. Até hoje não conseguimos fazer sequer uma foto juntos. Ao longo de catorze meses concebemos, planejamos e executamos o projeto por meio de reuniões digitais, apenas. Por outro lado, nos reunimos com a Microsoft, IBM, Totus, Cisco, Senior, First Decision, Baita, Waira, Kick e Tetra Pak. Mas, continuo sem conhecer nenhuma das sedes destas empresas. Tudo fizemos via Skype! Reuniões presenciais são caras e estimulam conversas longas. Reuniões digitais também não podem ser do tipo: eu falo e você escuta. Tem de ser estruturadas em diálogos rápidos e eficientes. Cada fala não deve chegar a dois minutos. Ah, as reuniões digitais perdem eficiência contínua, a partir de 50 minutos de duração!

A terceira regra: EMPREENDA EM REDE. Se tivéssemos estabelecido uma estrutura hierárquica na condução do processo, teríamos um projeto pequeno, do tamanho das nossas energias. Coordenação em vez de Comando e supremacia da Circulação Plena de informações entre os membros, estes dois ingredientes permitiram que cada instituição parceira avaliasse seus ganhos e se posicionasse. Então, nunca é muito repetir, pela primeira vez na história do Brasil conseguimos juntar voluntariamente doze das melhores universidades em torno de um projeto sem orçamento. São elas: UFMG, UFJF, UFV, UFLA, USP/Esalq, USP/São Carlos, UFSCAR, UNICAMP, UFRGS, UFPEL, PUC/MG, PUC/RS.


Final local em Porto Alegre

E, agora, a regra de ouro: SEJA RADICALMENTE TRANSPARENTE. Fale somente a verdade e não tenha aquela velha agenda secreta, que somente você conhece e cujos objetivos seus sócios, parceiros, colegas e colaboradores desconhecem. Em tempos de transparência radical, agenda secreta não é atitude inteligente, pois é grande o risco da solidão ou de reter apenas gente menos competente que você, em torno do seu projeto. Afinal, mais cedo do que você imagina, os objetivos constantes na sua agenda secreta serão conhecidos pelos que estão próximos e eles deixarão de confiar em você, ferindo sua reputação. Nesse caso, seu projeto morre!

É fundamental agradecer especialmente às lideranças do nosso setor. Não procuramos nenhuma empresa láctea para obter patrocínio. Para criar o ecossistema de inovação no leite, apostamos que deveríamos buscar o apoio das entidades. E todas as procuradas somaram forças conosco. ABIQ, ABLV, G100, OCB, Silemg, Sindilat-RS e Sindileite-SP e Viva Lácteos viabilizaram o IDEAS FOR MILK. Para Vinicius de Moraes, é impossível fazer amigos em torno de um copo de leite. É, pode ser... Mas, conseguimos provar que é possível fazer amigos e negócios em torno de iogurtes, queijos, requeijões e bebidas lácteas, ofertando milkbreaks para os jovens inovadores onde eles se encontravam. Conseguimos criar um divisor de águas. O leite é o primeiro produto do agro brasileiro a ter ecossistema de inovação com base na quarta Revolução industrial, do mundo digital, da internet das coisas. Conseguimos juntar físicos, engenheiros e médicos veterinários. Agora, as soluções vão aparecer.

Fechamos 2016, foi um ano profundamente desafiador. Estamos atravessando a maior crise econômica do Brasil República. Mas, precisamos acreditar que em 2017 teremos reversão de expectativas. Minha mãe gosta de dizer, em momentos difíceis, que “dias melhores virão”. Pois, inspirado neste seu pensamento otimista, posso afirmar que, em 2017, IDEAS MELHORES VIRÃO...
 

30

COMENTÁRIOS SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Seu comentário será exibido, assim que aprovado, para todos os usuários que acessarem este material.

Seu comentário não será publicado e apenas os moderadores do portal poderão visualizá-lo.

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

PAULO MARTINS

JUIZ DE FORA - MINAS GERAIS - PESQUISA/ENSINO

EM 04/01/2017

Já estão vindo. Manteremos você e a comunidade informados.
FÁBIO LUIZ DE OLIVEIRA

GUAÇUÍ - ESPÍRITO SANTO - TÉCNICO

EM 04/01/2017

Acredito que os frutos viram.Rogo a Deus por isso.
Gostaria de acompanhar o desenvolvimento e quem sabe, contribuir. Obrigado!
PAULO MARTINS

JUIZ DE FORA - MINAS GERAIS - PESQUISA/ENSINO

EM 03/01/2017

todos nós esperamos muitos frutos desta inciativa, Fábio.
FÁBIO LUIZ DE OLIVEIRA

GUAÇUÍ - ESPÍRITO SANTO - TÉCNICO

EM 03/01/2017

Trabalhei 20 anos no setor em uma cooperativa como auxiliar de laboratório e técnico em agropecuária e nunca vi coisa próxima a isto. Estou maravilhado.
Parabéns.
PAULO MARTINS

JUIZ DE FORA - MINAS GERAIS - PESQUISA/ENSINO

EM 27/12/2016

Olá Cassio, Isso mesmo. É um novo mundo que está se abrindo.
CÁSSIO DE OLIVEIRA LEME

PARANAPANEMA - SÃO PAULO

EM 27/12/2016

Olá Paulo! Parabéns pelo artigo, gostei muito! O IDEAS FOR MILK abriu as portas para toda a cadeia do Sistema Agrosilvopastoril.
Não vejo uma porta se abrindo... vejo um MUNDO NOVO SE ABRINDO.
E ainda o reconhecimento de que nós "Caipiras" (com muito orgulho) somos "A mão que alimenta" essa "Terra Nostra".
Abç
PAULO MARTINS

JUIZ DE FORA - MINAS GERAIS - PESQUISA/ENSINO

EM 26/12/2016

Olá Marcio, posso lhe responder no nivel do IDEAS. As grandes empresas e até bancos estao conversando diretamente com as startups. Veja principalmente as 40. Quem sabe alguma lhe chama a atençao. Os meninos estao loucos para receberem investimento...
MÁRCIO RABELLO FERREIRA

GOVERNADOR VALADARES - MINAS GERAIS - CONSULTORIA/EXTENSÃO RURAL

EM 26/12/2016

Oi Paulo. Assim como o colega já escreveu, PARABÉNS , assim que construiremos pecuária leiteira do futuro.
Hoje se eu quiser investir em pequenas empresas, basta fazer uma aplicação em um fundo Microcaps.
Mas e se quisermos ser um investidor anjo de grupo de startups relacionados ao Agronegocio; como fazer?
PAULO MARTINS

JUIZ DE FORA - MINAS GERAIS - PESQUISA/ENSINO

EM 26/12/2016

Olá Paulo,

A primeira colocada no concurso do Ideas foi uma empresa que desenvolveu uma plataforma de gestao das atividades desde que o leite sai da propriedade até o laticinio. Compensa você conhecer, pois pode ser aplicavel no seu negocio.
PAULO R.C.CORDEIRO

NOVA FRIBURGO - RIO DE JANEIRO - INDÚSTRIA DE LATICÍNIOS

EM 26/12/2016

Muito bom a divulgação do que e Ideias for Milk.
Que venha 2017 ....
PAULO MARTINS

JUIZ DE FORA - MINAS GERAIS - PESQUISA/ENSINO

EM 26/12/2016

Prezado Antonio,

O mundo da internet as coias está chegando com muita rapidez para mudar o nosso modo de produzir, consumir, viver. Obrigado pelo apoio.
ANTONIO LOPES DE FREITAS

JUIZ DE FORA - MINAS GERAIS - PRODUÇÃO DE LEITE

EM 26/12/2016

parabens .que o ideas entre no cural do pequeno produtor.tambem sempre leio seus artigos.feliz 2017 para o senhor e todos que participaram e contruiram com este evento.
PAULO MARTINS

JUIZ DE FORA - MINAS GERAIS - PESQUISA/ENSINO

EM 26/12/2016

Obrigado João Durr, manteremos você conectado com o Ideas em 2017!
JOÃO WALTER DÜRR

EM 26/12/2016

Parabens pela iniciativa, Paulo. Espero ter a oportunidade de aprender mais sobre o projeto em 2017. Quem sabe nao adotamos a ideia aqui nos EUA?
Abraco.
PAULO MARTINS

JUIZ DE FORA - MINAS GERAIS - PESQUISA/ENSINO

EM 26/12/2016

Agradecido. No site www.ideasformilk.com.br há descriçao das propostas. Em 2017 faremos publicação divulgando com mais detalhes as 40 finalistas.
ROBLEDO RENE DE MORAES

BELO HORIZONTE - MINAS GERAIS - PRODUÇÃO DE CAFÉ

EM 26/12/2016

Parabens a todos os envolvidos,desde os idealizadores até os concorrentes.Ótima idéia, que, faço votos, seja repetida mais vezes e com alcance maior. Gostaria que fossem divulgados os trabalhos vencedores,
Abraços
PAULO MARTINS

JUIZ DE FORA - MINAS GERAIS - PESQUISA/ENSINO

EM 24/12/2016

olá Viademir,

Obrigado por elogiar o Ideas e por manifestar que lê meus artigos na Balde Branco. Estou em débito com os leitores daqui. Afinal, foi no milkpoint que surgi como colunista, há quase 13 anos. Sempre prometo ao Marcelo voltar a manter regularidade neste espaço, mas nunca honro. Para 2017, esta é uma promessa, que desejo verdadeiramente cumprir. Ah, e a ediçao de janeiro do balde branco vai falar também do Ideas, mas sob outra perspectiva...
VLADEMIR ANTONIO DA SILVA

SÃO LEOPOLDO - RIO GRANDE DO SUL - REVENDA DE PRODUTOS AGROPECUÁRIOS

EM 24/12/2016

Achei o Ideias muito legal, nos da uma esperança de melhorias no leite. Li muito Paulo Martins na revista balde branco. Sempre achei muito interesante seus artigos. Parabens e um feliz 2017 para todos nos.
PAULO MARTINS

JUIZ DE FORA - MINAS GERAIS - PESQUISA/ENSINO

EM 24/12/2016

Roberto,

Muito obrigado por ter acreditado e participado de duas etapas, como julgador. Se tivesse sido possível você ter ido a Brasília na final, você teria ficado ainda mais impressionado. Lá tivemos palestra com os dois maiores investidores anjo e muita gente que descobriu literalmente o que é o nosso setor com o Ideas. E discussoes em altíssimo nível. Em 2017 daremos consequências a tudo isso. Mais uma vez, obrigado. Receber um elogio seu ao Ideas estimula todos nós a dar continuidade a este movimento.
ROBERTO JANK JR.

DESCALVADO - SÃO PAULO - PRODUÇÃO DE LEITE

EM 24/12/2016

Paulo, ja te dei os parabens pela ótima inciativa mas agora faço publicamente, extensivo a todos os envolvidos no projeto.
A ideia do projeto é genial ao unir TI e AGRO. Faltava essa interação e toque de modernidade no leite. Isso abra enormes oportunidades em nosso setor.
Grande abraço e meus sinceros parabéns.
Um ótimo 2017 para todos.