FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO

Fotoperíodo artificial para indução da ciclicidade em pequenos ruminantes

POR MARIA EMILIA FRANCO OLIVEIRA

PRODUÇÃO

EM 10/12/2012

4
2
No artigo anterior, Influência da sazonalidade na reprodução das ovelhas e cabras, vimos que a atividade reprodutiva destes animais segue o padrão de ciclicidade restrito a determinados períodos por influência do fotoperíodo. De acordo com a região em que os animais são criados, a eficiência reprodutiva e produtiva é comprometida pelo padrão sazonal de produção de crias e elevado intervalo entre partos, resultado de grandes períodos improdutivos. Uma das alternativas para induzir a manifestação de estro e a ovulação fora da estação reprodutiva é o fotoperíodo artificial.

Baseado no princípio que regula a atividade reprodutiva dos animais sazonais - número de horas de luz por dia - o tratamento consiste em introduzir luz artificial e manipular a mudança de dias longos para dias curtos. A manobra tem sido realizada com sucesso para machos e fêmeas de caprinos e ovinos.

Os animais são submetidos a tratamentos de dias longos (16 horas de luz e 8 horas de escuro) por 60 ou 75 dias. A iluminação artificial pode ser realizada em recintos abertos ou galpões equipados com lâmpadas fluorescentes. Estas devem ser ativadas diariamente por meio de um sistema "timer" cerca de 3 horas antes do alvorecer e automaticamente desligadas 3 horas após o entardecer, alongando o fotoperíodo natural. A intensidade luminosa a nível dos olhos dos animais deve ser de 200 a 300 lux.

Com estes "flashes" luminosos, os animais percebem os dias como tendo 16 horas de luz e 8 de escuridão. Neste período de dias mais longos, a atividade reprodutiva é bloqueada. Com a remoção do tratamento fotoluminoso artificial os animais passam a interpretar a luminosidade natural como de "dias curtos", desencadeando o retorno à atividade sexual. As manifestações de estro tem início cerca de 60 dias após a reintrodução da iluminação natural, mas não há sincronia entre as fêmeas. A associação de outros métodos de sincronização de estro podem ser utilizados garantindo maior eficiência, como o efeito macho e/ou protocolos hormonais.

Diante das características apresentadas, pode-se atribuir ao fotoperíodo artificial algumas vantagens como: possibilidade de tornar machos e fêmeas sexualmente ativos durante a contra-estação, prolificidade normal, ausência de sequelas e efeitos colaterais, garantindo seu uso repetidas vezes no mesmo rebanho. Os custos de execução estão restritos apenas a adequação das instalações ao tratamento de luz, fato que pode limitar seu emprego em planteis criados em regime extensivo.

Referências bibliográficas:

Fonseca, J.F.; Cruz, R.C.; Pinto, P.H.N.; Facó, O. Manual de sincornização e indução do estro e ovulação em ovinos e caprinos. Documento 103 - Embrapa Caprinos e Ovinos, 59p., 2011.

Simplício, A.A.; Freitas, V.J.F.; Santos, D.O. Biotécnicas da reprodução em caprinos. Revista de Ciências Agrárias, Belém, n. 43, jun./jul. 2005. Suplemento. 20 f. Seção Palestras. Edição de anais do 3 Congresso Norte Nordeste de Reprodução Animal, Belém, PA, 2006.

Traldi, A.S.; Loureiro, M.F.P.; Capezzuto, A.; Mazorra, A.L. Métodos de controle da atividade reprodutiva em caprinos. Rev Bras Reprod Anim, Belo Horizonte, v.31, n.2, p.254-260, abr./jun. 2007.

MARIA EMILIA FRANCO OLIVEIRA

www.mariaemilia.vet.br

4

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

CRISTYAN ROBERTO KOPEAKI

JARAGUÁ DO SUL - SANTA CATARINA - CONSULTORIA/EXTENSÃO RURAL

EM 26/05/2015

Bom dia Maria, quero saber como e quando posso fazer, em ovinos texel, o controle de luminosidade e efeito macho para ter 3 crias em 2 anos , se poder me mandar um esquema com os periodos q posso aplicar  cada tecnioca , agradeço

Att Cristyan R Kopeaki
ELIANE

PERNAMBUCO - ESTUDANTE

EM 03/11/2013

gostei muito da matéria

RAFAEL MENEZES

MATO GROSSO DO SUL - ESTUDANTE

EM 17/04/2013

gostei muuito da matéria

AILSON JOAO FILHO

FLORESTA - PERNAMBUCO - ESTUDANTE

EM 15/03/2013

Gostaria que vocês publicasse uma matéria explicando melhor o efeito macho, pois essa é uma técnica simples de ser realizado por quequer criador na própria fazenda.