FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO

Fatores operacionais que definem a viabilidade da produção de eucalipto

PRODUÇÃO

EM 28/05/2009

0
0
A elaboração de cronogramas e a definição de fatores operacionais torna-se necessária à medida que é necessário ter controle das ações que definem a viabilidade de execução de cada fase do empreendimento florestal.

Através da projeção e alocação de recursos financeiros para que estas sejam realizadas, as planilhas e cronogramas servem de auxílio na tomada de decisão com relação à aquisição ou aluguel de determinados equipamentos, utilização de mão de obra própria ou terceirizada, utilização de máquinas, etc.

Aliado a isso, os custos dos investimentos, juntamente com as receitas futuras, no final do projeto, fazem parte da mola-mestra das análises de viabilidade do investimento.

Existem muitas variáveis que interferem nesse processo, sendo que o planejamento e definição de cronogramas e fatores operacionais individualizados são de suma importância para o sucesso dos empreendimentos a serem implantados.

A seguir será apresentado um dos primeiros fatores operacionais que precisam ser colocados em prática, para o sucesso de um empreendimento florestal.

Divisão dos módulos de implantação

O estabelecimento de uma unidade de manejo e sua locação adequada no campo são fundamentais para execução de todos os controles da floresta, desde a implantação (controle de serviços e insumos) até a comercialização da madeira.

Os módulos de implantação podem ser divididos em módulos anuais ou em talhões, em casos de implantação total da área, para isso deve-se considerar o planejamento do investimento, conforme explicado no módulo 2.

Com a definição das unidades de manejo (módulos anuais ou talhões) deve-se fazer a verificação dos acessos e das eventuais dificuldades para implantação de cada módulo ou talhão, permitindo elaboração de cronograma de implantação compatível com a área, sendo levado em conta:

- uso da propriedade,
- qualidade dos solos
- dificuldade dos acessos;

Nessa fase vale lembrar que o início dos serviços e/ou da ocupação da área deverá ocorrer sempre nos locais mais difíceis e menos nobres da propriedade.

Não existe regra para a definição da área dos módulos ou talhões, devendo as mesmas atender as necessidades especificas de cada projeto e região.

Neste trecho acima, que faz parte do módulo 3 do Curso Online Produção de Eucalipto: conceitos técnicos e econômicos você aprendeu sobre um dos fatores operacionais, e sobre a importância de elaborar cronogramas, que o auxiliem no processo produtivo das plantações de eucalipto.

No módulo 3 deste curso também serão apresentados outros fatores operacionais, como cronograma de implantação da floresta, cronograma de aquisição de insumos, cronograma de manutenção, planilha de atividades operacionais, definição das diretrizes tecnológicas e do modelo operacional, dimensionamento quantitativo de máquinas, mão-de-obra e controle de qualidade dos serviços operacionais, bem como exemplos comparativos de cada uma das etapas.

Participe deste curso, que terá início no dia 08 de junho, entenda como obter uma fonte de renda alternativa em sua propriedade, e como torná-la o mais rentável possível!

Conheça os detalhes da programação e o instrutor deste curso acessando a página do curso: Curso Online Produção de Eucalipto: conceitos técnicos e econômicos

Inscreva-se aqui!

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.