FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO

Dicas importantes para a ensilagem de volumosos

POR RODRIGO PANIAGO

PRODUÇÃO

EM 14/09/2006

10
0
O uso de silagens visa garantir o fornecimento alimento de qualidade e com o menor custo possível para os animais.

O processo de enchimento do silo (descarregamento + compactação) está entre as etapas onde a interferência do produtor pode agregar melhores condições para se atingir tais premissas. A razão disso está na possibilidade de diminuir as perdas do processo de ensilagem.

Vale destacar que existem perdas qualitativas e quantitativas que não podem ser percebidas a campo pelo produtor. Talvez esteja aí o motivo para que muitos não tomem conhecimento do quanto é importante seguir à risca as recomendações dos técnicos sobre o processo de ensilagem.

Vejamos algumas dicas essenciais para oportunamente se realizar a etapa de descarregamento e compactação:

- tempo ideal de compactação: deve ser igual 1 a 1,2 vezes o turno de colheita, ou seja, o tempo de compactação deve ser igual ou 20% superior ao tempo de colheita. Isso deverá corresponder de 1 a 3 minutos por tonelada de forragem por hora;
- camada de deposição: menor ou igual a 30 centímetros;
- relação peso trator x massa depositada/hora: o peso do trator deve ser igual a 40% do total de forragens (toneladas) transportada por hora.

Para atender a recomendação acima, sobre o tempo de compactação, em muitos casos há duas equipes de operadores, a fim de haver revezamento pelo menos nos horários das refeições, garantindo assim o melhor tempo possível para a compactação e, evidentemente, concluir rapidamente o fechamento do silo.

Contudo, o que deve comandar o tempo de ensilagem não é o trator da compactação e sim o trator da colhedora, o que ocorre na prática. Desta forma, caso o trator responsável por espalhar e compactar o volumoso picado não esteja dando conta do recado e as carretas de transbordo ficam esperando para poder bascular o material picado sobre o silo, deve-se colocar mais um trator no processo de compactação (Figura 01).


Figura 01. Ensilagem de milho com 3 tratores na compactação.

Na prática você deve, rigorosamente, disponibilizar o trator mais pesado para a compactação. Caso o trator disponível não atenda a recomendação de peso relacionada com a quantia de volumoso depositada no silo por hora, citada anteriormente, justifica-se a troca de horas ou mesmo o pagamento de aluguel para uso de uma máquina apropriada.

Silagem mal compactada é sinônimo de dinheiro jogado fora.

_______________________________________________________________________


RODRIGO PANIAGO

Engenheiro Agrônomo formado pela ESALQ/USP e possui especialização em Produção de Ruminantes pela mesma instituição. Atualmente é presidente da Associação dos Profissionais de Pecuária Sustentável - APPS e sócio da Boviplan Consultoria Agropecuária.

10

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

PAULO

CHAPECÓ - SANTA CATARINA - CONSULTORIA/EXTENSÃO RURAL

EM 24/09/2008

Esta materia tem um conteúdo interessante principalmente quanto ao tempo de corte da silagem e a compactação.Mas não cita o motivo dessa rapidez na compactação da silagem talvez pela exposição da silagem com o ar num período de tempo menor? O destaque sobre a compactação com o trator a importãncia de possuir outro trator para fazer a compactação durante a colheita pois sabe-se da importância de uma boa compctação para a retirada do ar pois a fermentação deve ocorrer sem a presença de ar para uma melhor qualidade da silagem e tambem menor perda da mesma.
OLAVIO GEVEHR

CURITIBANOS - SANTA CATARINA - PRODUÇÃO DE LEITE

EM 12/05/2008

Gostaria de receber informações sobre a criação de vitelos (machos) da raça holandesa e jersey. Favor mencionar faixa etária para abate dos bezerros, se a alimentação deve ser feita somente com leite ou se pode ser utilizada parte em rações, fornecedores de leite artificial, formulação de rações, se for o caso, manejo adequado - isoladamente (possivelmente eleva em muito os custos) ou em lotes separados por idade -, confinado ou solto, mercado consumidor, facilidade de aceitação do produto acabado, preços e vantagens lucrativas e outras informações julgadas importantes.

Obrigado,

Olavio
FABIO TAVEIRA SANDIM

CAMPO GRANDE - MATO GROSSO DO SUL - CONSULTORIA/EXTENSÃO RURAL

EM 09/06/2007

Ensilagem de capim napier, como aproveitamento, tem % satisfatoria de nutrientes principalmente PB. Será que compensa? Obrigado.

<b>Resposta do autor:</b>

Olá Fábio,

Toda forrageira, a princípio, pode ser ensilada, o capim elefante, como o Napier, é uma delas. A grande vantagem frente às opções graníferas (milho, sorgo, girassol, etc.) de se ensilar capim tropical é a alta produção por área e, dentre as opções deste grupo, o capim elefante é um dos mais produtivos.

Mas, nenhuma opção, nem mesmo a silagem de milho, tida como a líder dentre as de melhor valor nutritivo, tem porcentagem adequada de nutrientes, dependendo do nível de produção almejado. Portanto, na maioria das vezes um complemento deverá ser adicionado a dieta com silagem para que o animal possa expressar o seu potencial genético.

Saudações,

Rodrigo Paniago
MARCELO ORMELAS VALADARES

UNAÍ - MINAS GERAIS

EM 26/05/2007

São muito importantes essas informações, relatadas por este artigo, pois faz com que as pessoas interessadas, estejam qualificadas para fazerem de sua atividade leiteira um negócio rentável, e evite possíveis prejuízos.
MANOEL ASSIS FREITAS

FAINA - GOIÁS

EM 16/11/2006

Amigos,

É de extrema importância artigos como este. Às vezes, por coisas pequenas e que parecem ser banais temos prejuízos. Devemos estar atentos a pequenos aprimoramentos em nossos atos; nos detalhes está a diferença entre lucro e prejuízo.
SAULO HORT

ITAPIRA - SÃO PAULO

EM 16/11/2006

Este artigo mostra como devemos nos preocupar com a qualidade do serviço e melhor customização para o processo.
RAFAEL LUIZ VENTUROSO

SÃO JOAQUIM DA BARRA - SÃO PAULO - PRODUÇÃO DE GADO DE CORTE

EM 01/10/2006

Muito bom o artigo, acho que deveria se trazer mais artigos como este para que nós produtores pudéssemos aprender mais sobre lidar com silagem, ou seja, desde o tipo de volumoso e ate como proceder para se ensilar.
MARCOS MURILO GONÇALVES

ARIQUEMES - RONDÔNIA - PRODUÇÃO DE GADO DE CORTE

EM 18/09/2006

Excelente artigo. Para dizer a verdade, faz anos que faço silagem e muitas coisas sabia e sei a respeito, mas essas proporções de tempo de corte, tempo de compactação e peso do trator, nunca havia visto em lugar nenhum. Parabéns ao autor por essa iniciativa de fundamental importância para os produtores de silagem.
PETER LUI DO ROSARIO

LAGES - SANTA CATARINA - PRODUÇÃO DE GADO DE CORTE

EM 18/09/2006

Acho muito importante para o produtor esse tipo de artigo, pois é deste modo que podemos melhorar nossas artemanhas de produção.
DOMINGOS B. BUENO

UBERLÂNDIA - MINAS GERAIS - CONSULTORIA/EXTENSÃO RURAL

EM 16/09/2006

Prezados Senhores,

Gostei muito deste artigo, principalmente pelos dados técnicos, que podem ser muito úteis no planejamento de ensilagem de grandes áreas de milho ou sorgo forrageiro.

Um abraço,
Domingos B. Bueno