FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA SENHA SOU UM NOVO USUÁRIO

Engenheiro Agrônomo Fernando Penteado Cardoso: uma profissão de fé pela agronomia e pela sustentabilidade

ESPAÇO ABERTO

EM 19/09/2014

5
0
Hoje, 19 de setembro de 2014, completa 100 anos o Engenheiro Agrônomo Fernando Penteado Cardoso. Desde a infância destacou-se pela habilidade intelectual e pelo desempenho escolar: foi sempre o primeiro aluno em todos os cursos. Matriculou-se na Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ) em janeiro de 1933 e em 25 de janeiro de 1934 era aluno da ESALQ quando a Universidade de São Paulo foi fundada. Formou-se em Engenheiro Agrônomo em 1936, como primeiro aluno da turma, com uma das melhores médias conquistadas até hoje.

No começo de sua vida profissional, em 1936, os tempos eram difíceis, a agricultura precária, porém ele sempre continuou estudioso e atento aos problemas, que aumentaram com o início da segunda guerra mundial: grandes dificuldades que, para serem superadas, exigiram esforço e dedicação e, principalmente, uma visão diferenciada.

Empreendedor nato, em tempo de grande crise, vendo a necessidade de fertilizantes para o desenvolvimento da agricultura, sempre com o foco na fertilidade e na conservação do solo, foi um dos pioneiros em trabalhos práticos em conservação do solo.

As terras esgotadas após anos de cultivo, exigiam especial empenho quanto à reposição de nutrientes. A guerra cortara importações, restringindo os adubos ao farelo de algodão, aos ossos e resíduos animais e às cinzas, tanto de café como das tortas oleaginosas, após a extração do óleo comestível. Com especial empenho e com suprimento de cinzas ricas em fósforo, potássio e micronutrientes, começou a formular um produto excepcional para a penúria dos tempos de guerra.

Durante cinco anos foram utilizados antigos armazéns desativados em Descalvado (SP), moendo, misturando com rôdo e enxada, peneirando em telas inclinadas, ensacando a pá, pesando, costurando, empilhando e carregando a mão e braços numa operação primitiva, porém acompanhada por controle analítico para assegurar qualidade e respeitar as garantias anunciadas. Este foi o embrião da Manah, empresa que se tornaria emblemática, marca reconhecida como "Notória". "Adubando Dá" tornou-se um slogam gravado no subconsciente de milhões de brasileiros.

O crescimento populacional e a necessidade de maior produção de alimentos aumentaram os desafios para os profissionais das ciências agrárias. Nos anos 70 assistimos à Revolução Verde de Norman Borlaug, com a obtenção de variedades capazes de responder à adubação. Particular amigo do Dr. Fernando, Borlaug acompanhou-o em diversas viagens pelo Brasil, para verificar a segunda Revolução Verde, com a conquista do Cerrado, uma das últimas fronteiras agrícolas, graças à transferência dos resultados de pesquisa, e estabeleceu com sucesso a integração lavoura X pecuária, e a Terceira Revolução: a adoção do sistema de plantio direto, ao qual Fernando Penteado Cardoso refere-se como: "agricultura com água e ar limpos".

Em sua trajetória profissonal, Cardoso exerceu inúmeras atividades, como funcionário da Secretaria da Secretaria da Agricultura do ESP, de 1937 a 1941, administrador rural, Secretário da Agricultura em 1964, presidente do IPT, membro do Conselho Assessor da Embrapa, além de várias atividades classistas. Ainda hoje é membro do Conselho Superior do Agronegócio da FIESP.

Agrisus

Com a venda do Grupo Manah no ano 2000, seria normal pensar em aposentadoria, porém não para ele. Aos 86 anos, surge uma nova tarefa, uma nova missão, um sonho. Como continuar o trabalho em prol da conservação do solo, da fertilidade e sustentabilidade da produção agrícola? Nasce aí, por dotação orçamentária de sua família, a Fundação Agrisus, única entidade privada de financiamento à pesquisa agronômica no país.

Nessa época eu era o diretor presidente da Fundação de Estudos Agrários Luiz de Queiroz – FEALQ. No dia 24 de abril de 2001, recebi uma ligação do Dr. Fernando informando que a Agrisus estava registrada e oficialmente já existia: os projetos aprovados seriam gerenciados pela FEALQ. Naquela data, a comunidade foi informada de que a Fundação Agrisus, em conjunto com a FEALQ, iriam somar esforços na formação de profissionais capazes de gerar sólida tecnologia e de promover uma agricultura progressista, econômica e estável, em benefício das gerações futuras. Hoje, a semente plantada da Fundação Agrisus está consolidada: foram aprovados 691 projetos no período e temos 51 projetos em andamento.

Esta é uma parte da extensa saga de Fernando Penteado Cardoso, uma PROFISSÃO DE FÉ PELA AGRONOMIA E PELA SUSTENTABILIDADE, uma vida de dedicação e sucesso, cujo histórico nos permite concluir que, TRABALHANDO DÁ.

O texto é de Antonio Roque Dechen, Presidente da Fundação Agrisus e Professor do Departamento de Ciência do Solo da ESALQ/USP.
 

5

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

MANSUETO ANTONIO SARAIVA DE SOUZA

LORENA - SÃO PAULO - CONSULTORIA/EXTENSÃO RURAL

EM 16/08/2017

Desejo saber como consigo a formula do elixir ou onde adquiri lo agradeco
WALTER

BRASÍLIA - DISTRITO FEDERAL

EM 16/10/2016

Seu Fernando, boa noite, acabei de assistir a reportagem no Fantástico e faltou a receita do elixir que o senhor toma, poderia enviar pra mim a receita? Grato estudo de bom! Envie para certo11@outlook.com / valeu!
VALTER Q. GONÇALVES

BRASÍLIA - DISTRITO FEDERAL

EM 16/10/2016

FOI CITADO NO FANTASTICO AGORA A POUCO.
VALTER Q. GONÇALVES

BRASÍLIA - DISTRITO FEDERAL

EM 16/10/2016

MAS E O ELIXIR QUE ELE USA, PODEM PASSAR A FORMULA? OBRIGADO.
LUCIANO HERCÍLIO QUITO

TAPEJARA - RIO GRANDE DO SUL

EM 19/09/2014

Parabéns senhor Fernando. Tenho grande orgulho de ter sido estagiário em sua, ainda em Brotas, onde minha paixão pelo gado nelore e meu conhecimento sobre brachiarias aumentaram bastante. Que DEUS o abençoe sempre.

FELIZ ANIVERSÁRIO.