Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Você está em: Anuncie > Novidades dos Parceiros

Importância da Mineralização na Nutrição de Bovinos de Leite

postado em 19/04/2017

Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

Importante

Esta seção é reservada aos nossos anunciantes.
As informações veiculadas nesta seção são de caráter comercial e não necessariamente representam o pensamento do conselho editorial do site.

 

Para obtermos uma suplementação adequada de minerais para as vacas de leite é necessário fornecer de maneira suplementar e não depender dos minerais apenas dos alimentos (forragens e concentrados) que não seria suficiente para suprir os requerimentos das diferentes categorias.

A produtividade das vacas é dependente do nível de minerais fornecidos e o principal problema são níveis marginais desses elementos porque os sintomas de deficiência ficam ocultos e os animais não respondem ao esperado para meta estimada.

Os microrganismos ruminais são dependentes dos minerais para seu crescimento e metabolismo e a baixa concentração deprimem as atividades da digestão de fibra e a síntese de proteína microbiana. A depressão dessas atividades compromete o balanço de energia (carboidratos estruturais ou fibrosos) e o de proteína (proteína metabolizável) desta forma as vacas não terão a resposta esperada.

Os minerais são classificados em 2 grupos: macro (Ca, P, Mg, S, Na, K, Cl) e micro (Zn, Fe, Co, Cu, Mn, I, Se, F). Os macrominerais são utilizados principalmente em funções estruturais e balanço ácido-base do organismo e os microminerais são utilizados principalmente como co-fatores de enzimas, vitaminas e hormônios.

Como resumo, segue abaixo uma tabela com algumas considerações de cada mineral em relação a sua função:

Mineral

Função

Cálcio

·         Componente estrutural de ossos

·         Contração muscular

·         Permeabilidade de membrana celular

Fósforo

·         Componente estrutural do osso

·         Utilização de energia

·         Diferenciação de componente de DNA e RNA

·         Balanço homeostático

·         Formação de fosfolipídios

Magnésio

·         Utilizado na ativação de mais de 300 enzimas

·         Processos de glicólise

·         Transmissão do código genético

Potássio

·         Balanço ácido-base

·         Regulação osmótica

·         Contração muscular

Sódio (e Cloro)

·         Pressão Osmótica

·         Balanço do controle de água

·         Balanço ácido-base

Enxofre

·         Componente da metionina, cisteína, cistina e Vitaminas do complexo B

·         Utilizado em reação de detoxicação do corpo

Cobalto

·         Componente da Vitamina B12 (ruminante adultos não precisam da suplementação dessa vitamina por produzirem a partir do cobalto)

Cobre

·         Componente de enzimas

Iodo

·         Componente dos hormônios T4 e T3

Ferro

·         Componentes de proteína do transporte de oxigênio

Manganês

·         Componente de enzimas

Selênio

·         Componente da glutationa peroxidase, importante enzima no combate do estresse oxidativo

Zinco

·         Componente de enzimas

·         Componente do sistema imunológico

Fonte: NRC, 20016 (Beef Cattle)




Os tipos de minerais encontrados são comumente chamados de “orgânicos” ou complexados e os inorgânicos. Os minerais inorgânicos apresentam sua composição química ligada a outro átomo (cátion e ânion) em sua estrutura interna, os “orgânicos” ou complexados apresentam sua composição o íon metálico junto a uma fonte de aminoácido, peptídeos ou complexo polissacarídeos.

A intenção de combinar as fontes de minerais é garantir uma melhor absorção dos íons pelos animais. A biodisponibilidade das fontes inorgânicas varia de acordo com o tipo do composto e a competição deles dentro do próprio organismo, a fonte “orgânica” seria para aumentar uma absorção intestinal desse íon sem “competir” com outros íons.

Nocek, et al. (2006), realizaram um estudo com 5000 vacas durante 2 ciclos produtivos (período seco e lactação) utilizando 4 dietas com diferentes composições das fontes de minerais e requerimentos do NRC (2001). Eles verificaram que a produção de leite foi mais alta durante a primeira lactação para as vacas alimentadas com a combinação de minerais complexados e inorgânicos e durante a segunda lactação com a mesma combinação de minerais complexados e inorgânicos ou 100% de minerais complexados, mostrando que a combinação das fontes viabiliza um melhor resultado.

Desta forma, a suplementação correta por ingestão forçada via núcleos minerais em concentrados ou por ingestão a vontade via suplementos minerais em cochos devem ser realiza de maneira correta e seguindo as especificações técnicas do produto e do técnico a campo.

A Poli-Nutri apresenta um portfólio de produtos para bovinos de leite com base científica para atender os requerimentos necessários para o melhor desempenho produtivo e uma nutrição de precisão. Consulte um de nossos técnicos para mais informações.

Para saber mais entre em contato conosco pelo box abaixo:

 

Referências
 

BERCHIELLI, T.T., PIRES, A.V., OLIVEIRA, S.G. Nutrição de Ruminantes. 2ª ed. Jaboticabal: Funep, 2011. 616p.

MENDONÇA JÚNIOR, A.F., BRAGA, A.P., RODRIGUES, A.P.M.S., SALES, L.E.M., MESQUITA, H.C. Minerais: Importância de uso na dieta de ruminantes. ACSA - Agropecuária Científica no Semi-Árido, v.07, n 01 janeiro/março, p. 0 1 - 1 3. 2011.

NATIONAL RESEARCH COUNCIL Nutrient requirements of dairy cattle. 7ª ed. Washington: National Academy Press, 2001. 381p.

NOCEK, J.E., SOCHA, M.T., TOMLINSON, D.J. The Effect of Trace Mineral Fortification Leval and Source on Performance of Dairy Cattle. J.Dairy Sci. 89: 2679-2693. 2006

THE NATIONAL ACADEMIES OF SCIENCES, ENGINEERING AND MEDICINE. Nutrient requirements of beef cattle. 8ª ed. Washington DC: National Academy Press, 2016. 475 p.

Entre em contato com o autor deste artigo através do formulário abaixo!

deve ter o formato de 10 a 11 dígitos (ddd + telefone ou 0800, 0300, etc.)
Por favor digite o código de verificação contido na caixa ao lado:

3000 caracteres restantes

 

Importante

Esta seção é reservada aos nossos anunciantes.
As informações veiculadas nesta seção são de caráter comercial e não necessariamente representam o pensamento do conselho editorial do site.

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Copyright © 2000 - 2017 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade