Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Você está em: Radar Técnico > Nutrição

Vitaminas, porque são importantes

Por Junio Cesar Martinez
postado em 08/12/2010

2 comentários
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

As vitaminas são moléculas orgânicas de estrutura complexa encontradas naturalmente nos alimentos ou na forma de precursores, responsáveis pelo controle de muitos processos metabólicos e requeridas em quantidades mínimas para a manutenção da saúde, crescimento e reprodução de ruminantes. Na ausência de uma ou mais vitaminas, sintomas específicos, conhecidos como doenças carências, podem acometer animais jovens e adultos.

Nos estudos das vitaminas destacam-se as seguintes denominações:

Vitaminose - transtornos patológicos ocasionados pela deficiência ou excesso de vitaminas
Avitaminose - ausência de vitamina no alimento
Hipovitaminose - vitamina presente em pequena quantidade no alimento ou parcialmente disponível para o animal
Hipervitaminose - excesso de vitamina
Paravitaminose - distrofia irreversível em decorrência prolongada de vitamina.

Exigências de vitaminas pelos ruminantes

Quando se tem vacas de alta produção, o uso de vitaminas adicionais à ração é obrigatório. Sua falta simplesmente impede que os animais continuem produzindo e, ainda mais grave, compromete seu estado físico. A Tabela 1 apresenta níveis de vitaminas na dieta de vacas leiteiras de alta produção.

Tabela 1. Exigências de vitaminas recomendadas pelo National Research Council (EUA) para vacas leiteiras



Todos os animais têm necessidades metabólicas de vitaminas. Entretanto os ruminantes adultos são diferentes dos animais não ruminantes, com respeito a sua dependência da suplementação vitamínica. As vitaminas do complexo B e K ocorrem durante a degradação e fermentação dos nutrientes presentes na dieta pela microbiota ruminal, deste modo, os ruminantes raramente são suplementados com essas vitaminas. Por outro lado, ruminantes jovens que não possuem o rúmen totalmente desenvolvido não podem sintetizar quantidades adequadas de vitaminas do complexo B, podendo desenvolver deficiência.

A vitamina D é sintetizada através da radiação ultravioleta sobre os esteróis presentes na pele dos ruminantes. A vitamina C é sintetizada a partir de açúcares e a niacina a partir do triptofano.

Por essa razão, a suplementação de ruminantes adultos consiste basicamente em vitaminas A e E.

Considerações finais

Em alguns casos especiais pode ocorrer deficiência de vitamina D e tiamina, como no caso de animais estabulados com pouca ou nenhuma exposição aos raios solares. Também, rações que causam queda brusca de pH ruminal ou rações ricas em enxofre reduzem a síntese de tiamina pela flora ruminal, levando o animal a apresentar sintomas de poliencefalomalácea.

Desta forma, a suplementação de niacina pode ocorrer em razão de raças mais exigentes, devido ao potencial genético ou seleção genética, sendo que o aumento de produtividade pode conduzir a produção insuficiente de vitaminas no rúmen.

Portanto, conclui-se que, para ruminantes adultos, atenção deve ser dada a quatro vitaminas: A, E, e em condições específicas, niacina e tiamina.

Fonte:

NRC gado de leite - National Research Council, EUA.
BERCHIELLI, T.T., PIRES, A.V., OLIVEIRA, S.G. Nutrição de ruminantes. Funep. 2006. 583p.

Avalie esse conteúdo: (4 estrelas)

Comentários

Ariclezio

Irapuá - Ceará - Estudante
postado em 12/10/2011

Muito bom seu documentário.

Alexandre Morales Farias

Toledo - Paraná - Indústria de insumos para a produção
postado em 16/07/2013

Júnio boa noite. Estava lendo o teu artigo e gostaria de saber o que você tem preconizado em níveis/teor de macro e microminerais e vitaminas em pré-parto e para vacas em lactação.

Sou Acessor Técnico da empresa Vaccinar e ficaria grato em saber sua opinião.

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Copyright © 2000 - 2014 AgriPoint Consultoria Ltda. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade